50 anos Goethe-Institut Porto Alegre

Afinados com a produção dramatúrgica alemã contemporânea*

Murx | Divulgação/Arquivo

Murx | Divulgação/Arquivo

Em 1999, no âmbito do Porto Alegre em Cena, o grupo Volksbühne Theater encenou "Murx, o Europeu", de direção de Cristoph Marthaler. Em 2005, o grupo retornou a Porto Alegre.

A presença do Instituto Goethe na vida cultural de Porto Alegre é incontestável. Com atuação decisiva na área das artes cênicas, transformou nossa cidade na capital brasileira mais afinada com a produção dramatúrgica alemã contemporânea. São inúmeros os textos que estrearam aqui, revelando novos autores, concepções modernas e pós-modernas de se pensar o teatro, oferecendo ao público e à classe artística uma parceria relevante e duradoura. Pelo palco do simpático teatro do Instituto, passaram não só obras de teatro mas apresentações musicais antológicas e palestras relevantes, que elevam a temperatura do ambiente intelectual do Rio Grande do Sul.

Roland Kaiser

Performance "x-vezes gente cadeira" de Angie Hiesl, durante o 10º Porto Alegre em Cena

Cinquenta anos que parecem eternos, pois o Instituto Goethe é uma instituição gaúcha, das quais todos nós nos orgulhamos. Que esteja cada vez mais presente, participativo e atuante é o que espero para os cinquenta anos vindouros, e todos os outros. Obrigado, Instituto Goethe, pela presença amorosa, provocadora e estimulante, vistas em inúmeras obras alemãs que participaram do Porto Alegre em Cena, que possibilitaram a vinda dos grupos mais importantes em atividade em Berlim e nas principais cidades da Alemanha. Ações de valor inestimável, reais, funcionais e presentes. O Instituto Goethe é um dos nossos maiores orgulhos. Falo isso como porto-alegrense e gaúcho, e só tenho a agradecer a todos os diretores e a brava equipe que tanto fizeram e fazem pela cultura local.

Obrigado, Instituto!

*Luciano Alabarse
Diretor de teatro e de espetáculos musicais
Diretor-Geral do Festival Internacional de Artes Cênicas Porto Alegre em Cena