O projeto

O projeto A Rapadura e o Fusca - Cana, Cultura, Sociedade foi desenvolvido com o objetivo de promover uma discussão ampla e específica sobre aspectos históricos, sociais e econômicos do açúcar. O projeto buscou também fomentar a produção artística e a discussão acadêmica sobre o tema, provocando ainda mais a reflexão sobre um produto que foi determinante para a história da Bahia e do Brasil, e que se mantém atual em virtude do interesse econômico, especialmente em se tratando da tão comentada produção de biocombustíveis e seus efeitos sócio-ambientais.



A Rapadura e o Fusca - Cana, Cultura, Sociedade desenvolveu-se ao longo do ano de 2008, até meados de 2009, como iniciativa do Goethe-Institut Salvador-Bahia, mas tendo envolvido também diversos parceiros, os quais são citados dentro do contexto de cada resultado que apresentamos neste website.