Mediação artística

Sasha Waltz, Dialoge 09. Foto: Bernd Uhlig
Lá estão eles... emudecidos, como que paralisados por uma força desconhecida. Foi assim que turistas apreciadores de arte em Florença, por exemplo, foram retratados pelo fotógrafo Thomas Struth: como emblema da experiência direta, i-mediata da arte que parece tornar obsoleta a questão da necessidade de intermediação entre a obra ou as intenções do artista nela manifestadas, de um lado, e o observador, do outro. Mais ainda: será que aquilo que constitui a arte não começa justamente onde termina a possibilidade de explicá-la? E assim se pode endossar o catálogo de perguntas que encabeçou um simpósio sobre a “Mediação da arte nos meios de comunicação”, realizado em Munique no primeiro semestre de 2011: “Existe necessidade, afinal, de interpretar obras de arte? Até que ponto a mediação da arte é capaz de ir além da reconstrução das intenções de seus produtores? O que deve, enfim, ser intermediado? Quais os padrões que a mediação da arte deve cumprir?” De Ulrike Prinz e Isabel Rith-MagniLeia mais ...

DOSSIER

    Bazon Brock, Escola de visitantes, Documenta 4, 1968, Museum Friedericianum, Kassel. Foto: Hans Puttnies © documenta Archiv

    Mediação artística enquanto arte? Arte enquanto mediação artística?

    Ou: por que, às vezes, arte e mediação artística são a mesma coisa. De Eva SchmittLeia mais ...
    xxx

    Trabalhar na contradição

    A intermediação artística como prática crítica. Uma concepção autorreflexiva e crítica em contraposição a uma pedagogia museológica afirmativa e reprodutiva. De Carmen MörschLeia mais ...
    Projeto da NGBK realizado por Mona Jas com a Escola de Segundo Grau Menzel, Berlim. Foto: Tonia Andresen

    Uma Missão possível

    Uma artista tenta incitar os participantes em seus projetos curatoriais a refletir sobre sua situação de vida particular. Um relato sobre suas experiências. De Wibke Behrens e Mona JasLeia mais ...
    Oficina para educadores de museus, promovida pelo Goethe-Institut em Alta Gracia, Província de Córdoba, Argentina, 2011. Foto: Larisa Stalldecker

    Ao museu com Goethe

    Seis Institutos Goethe na América do Sul lançam uma iniciativa para estabelecer um diálogo empolgante sobre o trabalho educativo nos museus. De Karin RottmannLeia mais ...
    Canudinhos pretos, projeto criativo “Ação e pensamento”: ateliê na Ação Educativa do Instituto Tomie Ohtake, São Paulo. Foto: Mariana Galender

    Educação como ação poética

    O papel do Educativo em uma instituição cultural é questionar as relações entre a vida e a arte. De Stela BarbieriLeia mais ...
    Museu da Independência, Bogotá, Colômbia. Foto: Camilo Sánchez

    O novo Museu da independência da Colômbia

    Sobre a renovação de um museu a partir de um processo pedagógico que, além de especialistas e profissionais, envolveu os visitantes do museu. De Daniel Castro BenítezLeia mais ...
    Dymaxion Map, desenho de Nicolás Paris que ilustra a ideia de R. Buckminster Fuller

    Entre o Norte e o Sul

    Seis pontos de vista de curadores e educadores internacionais sobre um intercâmbio cultural não unidirecional e a tarefa mediadora. De Isabel Rith-MagniLeia mais ...
    Uma igreja do medo do estranho que há em mim. Vista do altar com projeção de filme na instalação cênica do Oratório Fluxus, de Christoph Schlingensief, no Pavilhão Alemão da Bienal de Veneza, onde aparecia na fachada principal a palavra “EGOmania” em vez der GERmania. Foto: © Roman Mensing, artdoc.de

    “Egomania”

    O Pavilhão Alemão na Bienal de Veneza. Um comentário da curadora. De Susanne GaensheimerLeia mais ...
    Via Intoleranza II, apresentação em Viena, Arsenal, no dia 12 de junho de 2010, com Christoph Schlingensief. Foto: Georg Soulek, Burgtheater

    Aprender com a África

    Estabelecer uma relação não paternalista entre a Europa e a África – esta era a meta de mediação artística que o diretor e artista performático queria atingir com sua ópera “Intoleranza II” e o projeto de uma aldeia dedicada à ópera iniciado por ele em Burkina Faso. De Christoph SchlingensiefLeia mais ...
    William Kentridge, Rinoceronte no palco, 2004/05, desenho para a ópera A Flauta Mágica. Coleção particular. © William Kentridge

    “Quanto mais se observa uma coisa…”

    Como os festivais de teatro europeus tratam o exotismo global. De Renate KlettLeia mais ...
    Gardenia, les ballets C de la B/Alain Platel & Frank Van Laecke, apresentação no Festival Heimspiel 2011. Foto: Luk Monsaert

    De quem é o palco?

    Em projetos artísticos interativos, a intermediação artística torna-se ela mesma tendencialmente uma prática artística. Considerações sobre o teatro participativo e a arte da intervenção social. De Friedhelm Roth-LangeLeia mais ...
    Paul Cézanne, Montagne Sainte-Victoire, em torno de1890, Musée d’Orsay, Paris, França, © bpk / RMN/ Hervé Lewandowski

    É possível compreender a arte?

    O pressuposto implícito de qualquer tentativa de intermediação na arte é a possibilidade de explicar uma obra de arte e de transformar um objeto de observação em significado linguístico. Será que de um ponto de vista filosófico isso é justificado? Sobre a arte da interpretação. De Jakob SteinbrennerLeia mais ...
    Humboldt-Box, arquitetura temporal destinada a fornecer informação sobre o Fórum Humboldt, previsto nessa localização. © Karsten Pagel

    Em movimento: o Fórum Humboldt

    O fórum cultural a ser instalado na Schlossplatz, no centro de Berlim, deveria apresentar-se em constante mudança e não como algo “acabado”. De Viola König e Monika ZessnikLeia mais ...
    Casa Daros, Rio de Janeiro, sede da Daros Latinamerica na América Latina. Foto: Fábio Caffé/ Imagens do Povo Cortesia de Casa Daros

    Entre a dúvida e a possibilidade

    A hipótese é o destino da arte e da pedagogia, segundo o diretor de Arte e Educação da Casa Daros no Rio de Janeiro. De Eugenio Valdés FigueroaLeia mais ...
    Regina José Galindo, False Lion, 2011, escultura em bronze e ouro guatemalteco esculpida por Ángel e Fernando Poyón. © Foto: Rodolfo Fiorenza, cortesia da artista e da Prometeogallery di Ida Pisani, Milão/Lucca

    O que é bienalização?

    Notas sobre a mediação cultural das finanças globais e sobre a produção de capital cultural global. De Simon SheikhLeia mais ...
    Luis Camnitzer , O museu é uma escola, 2010, intervenção na fachada de El Museo del Barrio, Nova York, durante retrospectiva organizada pela Daros Latinamerica em 2011. Coleção El Museo del Barrio, Nova York. Cortesia do artista. Foto: Jason Mandella, cortesia de El Museo del Barrio

    O artista, o cientista e o mágico

    Tanto uma declaração idiota como “a obra fala por si mesma” quanto o erro de pensar que basta uma descrição literal e banal de uma obra artística são provas de um mal-entendido sobre o que significa “explicar” a arte. De Luis CamnitzerLeia mais ...
    A arte é um bem de todos. Maio de 2011, Resistencia, Chaco, Argentina. Foto: Carolyn Christov-Bakargiev

    Sobre a elaboração progressiva de uma exposição na escrita

    Fragmentos da “Carta a um amigo” escrita pela diretora artística da dOCUMENTA (13). De Carolyn Christov-BakargievLeia mais ...
    Carta de Heinrich von Kleist ao editor Johann Freidrich Cotta no Schiller-Nationalmuseum. Foto e © Deutsches Literaturmuseum Marbach

    Signos lidos com a lupa

    Literatura pode ser objeto de exposição? Como dar visibilidade à linguagem? Caminhos exploratórios que conduzem a Heinrich von Kleist (1777–1811) nos museus de literatura de Marbach. De Heike GfrereisLeia mais ...

    PANORAMA

      Cena de Fitzcarraldo, de Werner Herzog, 1982, com Klaus Kinski no papel principal. © Werner Herzog Film

      O vespão

      Há um louco que ganhou fama tardia no mundo inteiro – afora na Alemanha. Uma visita ao diretor de cinema Werner Herzog em Hollywood Hills. De Jörg HäntzschelLeia mais ...
      Dom Quixote, encenação de aufBruch, centro penitenciário JVA Tegel, em Berlim, 2011. Foto: Thomas Aurin

      Construindo pontes com grades

      Dois simpósios realizados em Santiago do Chile e Berlim unem realizadores de teatro prisional da Europa e da América Latina. De Tom MustrophLeia mais ...
      Bertha Calán Alquejay, esposa de Benigno Luch, desaparecido no dia 3 de outubro de 1982 na propriedade de La Merced (Chimaltenango). Foto e © Gervasio Sánchez

      O homem deve ser sagrado para nós

      Quase não existe conflito de valores no qual não se invoque ou se questione a validade universal dos direitos humanos. Sobre as origens da Declaração Universal dos Direitos Humanos. De Hans JoasLeia mais ...
      Olinta, México. Foto: Hans Haufe

      A ameaçada arquitetura de paisagem no méxico

      Em tempos de globalização, a preservação do singular patrimônio paisagístico e arquitetônico tem relevância existencial para a Sierra Norte de Puebla e pode servir de modelo para outros estados do México e para a América Latina em geral. De Hans HaufeLeia mais ...
      Mónica Álvarez Herrasti, Pesca pop, 2011, ilustração para a revista HUMBOLDT. © Mónica Álvarez Herrasti

      Duzentos anos de solidariedade

      Um romantismo revolucionário e a glorificação de estilos de vida originais marcaram a maneira como a esquerda europeia compreendeu os movimentos de reforma latino-americanos. De Tobias RupprechtLeia mais ...
      Urs Jaeggi. Foto: Thomas Knauf

      EntreMundos

      A letra dançante ou “A arte está por todos os lados” O escritor, sociólogo e artista plástico Urs Jaeggi. Um perfil. De Anne HuffschmidLeia mais ...

      Humboldt em formato de revista digital

      Leia a revista 156 sobre “Mediação artística” em seu Smartphone, Blackberry ou eReader!
      Faça o download aqui...

      Encomendar já