Corona Chronicles Angola 4/6

Edição: Carlos da Silva Pinto, © Goethe-Institut Angola
Edmar Jorge Pires Domingos – Sacerdote – é músico e nasceu no 8 de Julho 1985 no Nzeto, Província do Zaire.
Cresceu em Luanda onde jà aos 11 anos interpretava músicas escrita pelo pai mas acabou por descobrir o movimento Hip Hop. A aprtir de 2003 passou a divulgar musicas de intervençao social, e começa a fazer captações de vários artistas desde o kuduru rap e não só em seu santuário (circuito fexado). Lugar onde os mais novos do bairro tiveram o primeiro contacto com a musica e a tecnologia onde até hoje é um espaço de partilha das varias disciplinas artisticas para os jovens das periferias de Luanda  e arredores.
 
Em 2009 passou a participar como mc do projeto batida aka Pedro Coquenão; a partir dai passou a participar em importantes festivais pelo país e na Europa. Em 2010 começou a trabalhar no Movimento-x (Elinga teatro) e atualmente faz parte da produtora theafter-x
Tem participado em varios projetos produzidos e apoiados pelo Goethe-Institut Angola.
Em 2013 esteve três semanas em Lisboa com Pedro Coquenão. Foi um período de intensa produção onde gravaram vídeos, realizaram Shows e gravaram um CD juntos.