Fevereiro 2. 2018 Tradutores: inscrições abertas para bolsa na Alemanha

Bewerbung Arbeitsstipendium 2018
© Colourbox

Estão abertas as inscrições para o Programa de Residência Europeu para Tradutores do Goethe-Institut, em cooperação com a Fundação Alfred Toepfer (F.V.S.) e a Fundação de Cultura do Estado Livre da Saxônia. Até o dia 28 de fevereiro, é possível se candidatar a uma das seis bolsas de trabalho na Alemanha, para o período de seis a oito semanas, para tradutores literários do exterior. Os contemplados receberão uma ajuda de custo de 1.500 euros. Os gastos com passagem aérea serão arcados pelos parceiros da cooperação.

O objetivo da estadia é se dedicar a um projeto atual no campo da literatura em língua alemã (romance, poesia, ensaio) em uma atmosfera tranquila e concentrada no trabalho. Para isso, a F.V.S. fornece um apartamento no espaço do seu Centro para Seminários Gut Siggen, no Mar Báltico (Schleswig-Hollstein). Um outro local de trabalho e moradia é a Casa para Bolsistas da Fundação de Cultura do Estado Livre da Saxônia, na cidade de Dresden-Hellerau.
 
Para se candidatar, é pré-requisito ter ao menos duas traduções de grande escala já publicadas, assim como um contrato de tradução já firmado, no qual o bolsista irá trabalhar durante sua estadia na Alemanha. Traduções de obras de ficção alemã contemporâneas terão prioridade no processo de seleção.

Para se inscrever, acesse o site da Bewerbung Arbeitsstipendium 2018.