Acesso rápido:
Ir diretamente ao contéudo (Alt 1)Ir diretamente à navegação secundária (Alt 3)Ir diretamente à navegação principal (Alt 2)

Conexión Humboldt | ГУМБОЛЬДТ-КОННЕКШН
“É preciso submergir no espírito da vida na floresta tropical”

 Foto: Adrian Quintero. Goethe-Institut Kolumbien

Abel Rodríguez, Bogotá

“Quanto à floresta, à terra e à mudança climática, temos que saber com precisão qual a origem de tudo isso, para poder entender o que acontecerá depois. Temos de ter muito conhecimento, ir fundo, submergir no espírito da floresta, mergulhar na natureza. Por sua vez, isto tem de se conectar com o espaço espiritual, com o invisível. É preciso entender do que depende o que está acontecendo no mundo. O ser humano precisa entrar em contato com a natureza… não importa de onde venha, de que país seja, que origem tenha. Neste ponto são importantes a arte e a ciência dos xamãs. (…) Como eles mesmos dizem: para poder se relacionar com o mundo, é preciso ter todos os os instrumentos. É preciso saber por que tudo existe. E por que as coisas mudam. Por exemplo, por que o tempo está como está agora? Isso faz parte do conhecimento dos xamãs, que são portadores de um saber especial.”

 

Abel Rodríguez é artista e sábio dos Nonuya, comunidade indígena do Amazonas, possuindo saber tradicional sobre plantas curativas e ecossistemas da Bacia Amazônica. Sua obra, que lhe valeu o Prêmio Príncipe Claus, foi exibida na Documenta 14. 

 Conexión Humboldt (espanhol)

Top