Acesso rápido:

Ir diretamente ao contéudo (Alt 1) Ir diretamente à navegação principal (Alt 2)

Jean-Pierre Bekolo
Nous Les Noirs

Esplanada de Quibdó, extraída de Nous Les Noirs (Nós, os negros) – Jean-Pierre Bekolo (2020
Esplanada de Quibdó, extraída de Nous Les Noirs (Nós, os negros) – Jean-Pierre Bekolo (2020 | © Jean-Pierre Bekolo

O que acontece quando um cineasta dos Camarões viaja para a Colômbia para explorar os emaranhados da África e da América Latina? Quem é o “eu”, quem é o “outro”? Jean-Pierre Bekolo apresenta um trailer estendido de seu novo filme “Nous Les Noirs” (Nós, os negros).

“Então, de repente, não podemos mais chamar isso de etnologia, sabe? E, ao mesmo tempo, estamos em uma dinâmica onde, quando buscamos o outro, estamos basicamente buscando a nós mesmos. Quando tentamos entender o que eles se tornaram aqui, estamos basicamente procurando nossos próprios ‘eus’. E então, quando vamos à feira, procuramos o que se parece com a África e aquilo que é diferente. Essa busca é, portanto, única”.
– Jean-Pierre Bekolo 

Parecendo com a África, sentindo-se africano 

“Para mim, se não houvesse música africana, minha vida não teria sentido. Nem minha existência teria sentido sem a África. Estou muito feliz e sinto-me orgulhoso de me sentir e ser africano. A África é realmente o que há de melhor no mundo. E meus irmãos africanos”.
– Participante do processo de filmagem, Palenque de San Basilio, Colômbia
 

 


Aquí nuestra historia, aquí nuestros cuerpos
Aquí nuestra historia, aquí nuestros cuerpos
No necesitamos de tu aprobación
– La Pacifican Power, De Mar a Mar (2019)

Aqui está nossa história, aqui estão nossos corpos
Aqui está nossa história, aqui estão nossos corpos
Não precisamos de sua aprovação
– La Pacifican Power, De mar a mar (2019)

Top