Acesso rápido:

Ir diretamente ao contéudo (Alt 1) Ir diretamente à navegação principal (Alt 2)

Séries Alemãs
“O perfume” – a doce fragrância da morte

© ZDF/Jakub Bejnarowicz
© ZDF/Jakub Bejnarowicz | © ZDF/Jakub Bejnarowicz

Existe algo como a fragrância suprema? Algo como um aroma tão irresistível, que torna as pessoas impotentes diante dele? Inspirada no best-seller internacional “O perfume – A história de um assassino”, de Patrick Süskind, a série de suspense de seis episódios “O perfume”, sobre um assassino monstruoso, questiona se os humanos são de fato capazes de amar verdadeiramente. Ou seremos inevitavelmente manipulados pelo nosso próprio olfato?

É claro que este policial também começa com um cadáver. No caso, um que foi até mutilado de uma forma particularmente pouco apetitosa. A bela Katharina, conhecida como K, é encontrada morta em uma piscina, com a cabeça raspada e os pelos púbicos e das axilas habilmente removidos de seu corpo. Por que essa cantora carismática, que enfeitiçou a todos, teve que morrer? Roman (Ken Duken), seu amante casual, chegou a afirmar que era “viciado nela”. Em pouco tempo, a detetive Nadja Simon (Friederike Becht), o inspetor-chefe Matthias Köhler (Jürgen Maurer) e o promotor federal Grünberg (Wotan Wilke Möhring) estão investigando não apenas este assassinato. Será que a chave para resolver o crime estaria nas atividades passadas de uma turma de adolescentes que, em sua busca pela fragrância perfeita, foi longe demais em suas experiências secretas?

  • Elena Seliger (Natalia Belitski) vê o garoto vizinho parado no jardim. Um prenúncio do horror que se seguirá. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Elena Seliger (Natalia Belitski) vê o garoto vizinho parado no jardim. Um prenúncio do horror que se seguirá.
  • Os investigadores Brettschneider (Marc Hosemann, esq.) e Köhler (Juergen Maurer, o segundo da dir. para a esq.), e o promotor Grünberg (Wotan Wilke Möhring, terceiro da dir. para a esq.), investigam a cena do crime e a vítima com a detetive Nadja Simon (Friederike Becht, segunda da esq. para a dir.). © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Os investigadores Brettschneider (Marc Hosemann, esq.) e Köhler (Juergen Maurer, o segundo da dir. para a esq.), e o promotor Grünberg (Wotan Wilke Möhring, terceiro da dir. para a esq.), investigam a cena do crime e a vítima com a detetive Nadja Simon (Friederike Becht, segunda da esq. para a dir.).
  • O começo de um fascínio: Elena (Valerie Stoll) lê para Moritz (Leon Blaschke) trechos de “O perfume – A história de um assassino”, de Patrick Süskind. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    O começo de um fascínio: Elena (Valerie Stoll) lê para Moritz (Leon Blaschke) trechos de “O perfume – A história de um assassino”, de Patrick Süskind.
  • Os rumores espalhados sobre Thomas Butsche (Trystan Pütter) o levam a extremos. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Os rumores espalhados sobre Thomas Butsche (Trystan Pütter) o levam a extremos.
  • A detetive Nadja Simon (Friederike Becht) tira fotos da cena do crime e algumas delas são de teor privado. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    A detetive Nadja Simon (Friederike Becht) tira fotos da cena do crime e algumas delas são de teor privado.
  • A profissão de perfumista parece ser muito mais do que isso para Moritz de Vries (August Diehl). Ela é uma paixão. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    A profissão de perfumista parece ser muito mais do que isso para Moritz de Vries (August Diehl). Ela é uma paixão.
  • Daniel "Banguela" Sluiter (Christian Friedel) e Elena Seliger (Natalia Belitski) dançando lentamente, embora não tenha passado muito tempo desde o funeral de K. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Daniel "Banguela" Sluiter (Christian Friedel) e Elena Seliger (Natalia Belitski) dançando lentamente, embora não tenha passado muito tempo desde o funeral de K.
  • O inspetor-chefe Matthias Köhler (Jürgen Maurer) faz uma pesquisa. Ele está procurando pistas sobre o autor do crime. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    O inspetor-chefe Matthias Köhler (Jürgen Maurer) faz uma pesquisa. Ele está procurando pistas sobre o autor do crime.
  • Elena Seliger (Natalia Belitski) enfrenta a investigação e precisa passar por mais interrogatórios. © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Elena Seliger (Natalia Belitski) enfrenta a investigação e precisa passar por mais interrogatórios.
  • Perfumista é mais do que apenas uma profissão para Moritz de Vries (August Diehl). © ZDF/Jakub Bejnarowicz
    Perfumista é mais do que apenas uma profissão para Moritz de Vries (August Diehl).
Uma enigmática, sombria e sangrenta minissérie de seis episódios, que apresenta uma considerável porção de nudez, O Perfume – dirigido por Philipp Kadelbach (vencedor do Prêmio Emmy por Os filhos da guerra), com roteiro de Eva Kranenburg (Die denkwürdigen Erlebnisse meines Vaters / As notáveis experiências de meu pai) e produzido por Oliver Berben, da Constantin Film – conta a história de uma intrigante perseguição a um assassino. O que não deve ser surpresa, já que o roteiro é baseado no premiado romance O perfume – A história de um assassino (1985), de Patrick Süskind, que escreveu roteiros de séries de TV alemãs como Monaco Franze – Der ewige Stenz (Monaco Franze – O eterno mulherengo) e Kir Royal. Ambientado na Paris do século 18, o romance descreve a vida de Jean-Baptiste Grenouille, um desajustado que não possui qualquer odor próprio, mas tem um olfato fenomenal. Impulsionado por sua visão de destilar o afrodisíaco supremo a partir dos aromas de mulheres jovens, este gênio olfativo torna-se um monstro.
 
Traduzido para 50 idiomas e com mais de 20 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, O perfume é um dos livros de língua alemã mais bem-sucedidos do século 20. Em 2006, o cineasta Tom Tykwer (Corra, Lola, corra) fez uma luxuosa adaptação cinematográfica do best-seller, tendo o então desconhecido ator britânico Ben Whishaw (que interpretou Q em Skyfall) no papel principal.
 
A série também apresenta imagens opulentas e explora a hipótese de que as pessoas podem ser manipuladas por odores. Em flashbacks, os seis episódios desenrolam o drama em torno de cinco ex-alunos de um internato (Ken Duken, Trystan Pütter, August Diehl, Christian Friedel e Natalia Belitski), que há 20 anos levam consigo um terrível segredo. O motivo é o romance best-seller de Süskind. Os amigos haviam ficado excessivamente fascinados pelo livro e se viram abandonando todos os seus escrúpulos em nome da curiosidade científica. O assassinato da bela Katharina traz o grupo de volta, despertando memórias de experiências sexuais, obsessão e ciúme, o que, sem surpresa, torna seu reencontro diante do caixão aberto um evento de congelar a espinha. Enquanto isso, a detetive Nadja Simon erra no meio do nada na região do Baixo Reno em busca de respostas e de uma saída para a sua própria vida amorosa sem alegria, vagando por paisagens esquecidas desprovidas de qualquer tipo de graça, cercada por vários personagens desagradáveis que parecem ter todos um parafuso solto.

 
O resultado é uma viagem de terror esteticamente poderosa, retratada com uma paleta de verdes sujos e amarelos sulfúricos, que sabe exatamente como manter os fãs de suspense enfeitiçados. E isso apesar do fato de que a história às vezes desce ao nível de uma fantasia adolescente masculina suada (série não recomendada para menores de 16 anos), com uma imagem dúbia das mulheres, fazendo com que o elenco invariavelmente esplêndido tenha que tatear seu caminho entre um diálogo desajeitado e o próximo.
 
A mistura elegante de crime noir e policial erótico sombrio provou ser um grande sucesso entre os fãs de séries na Alemanha e no exterior, embora as críticas na mídia soem menos entusiasmadas: “Quebrou a cara” foi o veredicto cáustico do jornal FAZ, enquanto o Die Zeit atestou que a série não apresentava “nenhuma nuance”. O portal de notícias Spiegel Online achou o resultado tão terrível que estampou em seu site de notícias a manchete “Fracasso completo do Baixo Reno”.

Créditos:
Alemanha 2018, dirigida por Philipp Kadelbach, estrelando Friederike Becht, Wotan Wilke Möhring, Jürgen Maurer, Ken Duken, Trystan Pütter, August Diehl, Christian Friedel e Natalia Belitski, 16 anos.
Seis episódios de aprox. 55 minutos cada.

Veja "O PERFUME"

No Brasil:

Quelle  Netflix

Top