Projetos atuais

fundo azul com formas geométricas verdes, como identidade visual do projeto

Museu Portátil

Museu Portátil é um manual gratuito para instituições de arte e cultura denominadas GLAM (em inglês: galleries, libraries, archives and museus) digitalizarem e difundirem seus acervos de forma autônoma e com baixo custo.  

O século das mulheres

No contexto do projeto “O século das mulheres”, protagonistas, especialistas e artistas se reúnem a fim de fortalecer o intercâmbio de ações na luta contra a espiral de violência.

Invenção & Imaginação

Invenção & imaginação

Em quatro mesas de debate, o evento internacional “Invenção & Imaginação - Arte e Ciência em Diálogo” constrói pontes entre práticas e experimentações de quatro autores e pensadores franceses e alemães: Marie Curie, Jules Verne, Fritz Lang e Johannes Kepler.
 

Projetos realizados

A casa é sua

Essa exposição de arte contemporânea se propõe a fortalecer uma nova e oportuna abordagem do tema da xenofobia. 

International Museum Conference Rio © Goethe-Institut Rio de Janeiro

Conferência de Museus

A conferência promoveu um espaço de troca de conhecimento entre especialistas de Museus da América do Sul e Europa e, em especial, desenvolveu conceitos que preparem os museus de História Natural e de Etnologia para o futuro em tempos difíceis. 

Agora é com elas

Agora é com elas

Ciclo de encontros online debate sociedade, feminismo e escrita literária com autoras do cenário literário latino-americano e alemão. Clique e confira datas e mesas. 
 

Entre:dramaturgismos

entre:dramaturgismos convidou o público a pensar a prática do dramaturgismo no teatro em diferentes contextos.

imagem com fundo azul e formas abstratas e no meio o texto processos criativos a distancia

Processos Criativos a Distância

Como, no atual cenário de distanciamento social, gerar trocas artísticas apesar das distâncias? Confira aqui oito projetos que respondem, de modo inventivo, à questão e propõem novos caminhos criativos em tempos de pandemia.

Über.Leben.Schreiben

Autores de língua alemã apresentam seus romances, por meio dos quais buscam lutar contra crises e esboçar visões do futuro em relação a distopias.

Laboratórios do Sensível © Goethe-Institut

Laboratorien der Sensibilität

O ponto de partida do Laboratórios do Sensível é o diálogo entre práticas estéticas e éticas de mulheres e pensamentos ecofeministas.

Tramas democráticas

Um programa de intercâmbio entre iniciativas da sociedade civil sul-americana e alemã que trabalham no campo da democracia digital.

Inspirador © Goethe-Institut

Inspirador 1.3

Guia de sustentabilidade em gestão cultural, o Inspirador 1.3 continua mapeando iniciativas que servem como modelos para práticas criativas, inclusivas e sustentáveis, atualmente disponível em três idiomas.

 Domínio público / Acervo Arquivo Nacional

Abre-te Código

Abre-te Código foi um hackathon focado na expansão do acesso ao patrimônio cultural por meio do desenvolvimento de tecnologias a partir de informações digitais.

Echoes © Goethe-Institut

Ecos do Atlântico Sul

Qual é a situação do Triângulo Atlântico no século 21? Qual será a posição a ser tomada pela Europa em relação à África e à América do Sul, depois de ter exercido, durante 500 anos e de diversas formas, o poder hegemônico colonial? 
 

Episoden des Südens

Entre 2015 e 2017, o projeto Episódios do Sul explorou perspectivas alternativas do Sul Global: Como podemos decolonizar nosso pensamento? Que visões do futuro estão surgindo na África? Que utopias podem ser re(inventadas) nas florestas tropicais?

Unidas: Frauen im Dialog no logo pt © TANTO Criações Compartilhadas

Unidas: Mulheres em Diálogo

UNIDAS: Mulheres em Diálogos mobilizou convidadas das mais diversas trajetórias e origens para desenvolver pensamentos e ações que fortaleçam a continuada luta pela igualdade de gêneros.

enTocar Danças: territórios em gira

enTocar Danças

No encontro e na alteridade, um grupo de artistas sai em busca de experiências mobilizadoras da Dança no período de pandemia.

Talent Press © Berlinale

2º TALENT PRESS RIO

Seis jornalistas que têm o português como língua materna – quatro brasileiros, um português e um moçambicano – participam do Festival do Rio 2018.