Acesso rápido:

Ir diretamente ao contéudo (Alt 1)Ir diretamente à navegação secundária (Alt 3)Ir diretamente à navegação principal (Alt 2)
Aura RemasteredGrafik: Goethe-Institut

O Poder da
Multiplicação

O projeto "O Poder da Multiplicação - Arte reprodutível na América do Sul e na Alemanha: do pré-digital ao pós-digital ou da gravura, passando pelo xerox, até o 3D" é uma contribuição artístico-teórica à reflexão sobre a questão da reprodução hoje em dia.  


Sobre o Projeto

O Poder da Multiplicação é um projeto de múltiplos desdobramentos que marca a consolidação de um longo trabalho desenvolvido pelo Goethe-Institut Porto Alegre no campo da arte impressa.  [leiamais...]
 

another world is necessary - or: don't think about the crisis - fight!. Thomas Kilpper, Xilogravura no chão do Vila Flores (impressão sobre lona crua), Porto Alegre, 2016. Direitos de imagem: VG-Bildkunst, Bonn e artista Direitos de imagem: VG-Bildkunst, Bonn e artista

O Poder da Multiplicação


ARTISTAS E OBRAS

Os 14 artistas contemporâneos do Rio Grande do Sul e da Alemanha apresentados na exposição lidam com as questões referentes à arte reprodutível de maneiras muito diferentes.

Os 14 artistas contemporâneos do Rio Grande do Sul e da Alemanha apresentados na exposição lidam com as questões referentes à arte reprodutível de maneiras muito diferentes:


Videos

Helena Kanaan © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Helena Kanaan

Hélio Fervenza © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Hélio Fervenza

Rafael Pagatini_thumbnail2 © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Rafael Pagatini

Marcelo Chardosim_thumbnail © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Marcelo Chardosim

Vera Chaves_thumbnail © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Vera Chaves Barcellos

Regina Silveira_thumb © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Regina Silveira

Xadalu_thumbnail © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Xadalu

Ottjörg A.C. © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Ottjörg A. C.

„another world is necessary“, Thomas Kilpper, Holzschnitt im Boden der Vila Flores, Porto Alegre, 2016, Druck auf Roh-Leinwand. Bildrechte: VG-Bildkunst, Bonn und d. Künstler | Video: Pátio Vazio

Aura Remastered
Thomas Kilpper

Flavya Mutran © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Flavya Mutran

Hanna Hennenkemper - thumbnail © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Hanna Hennenkemper

Olaf Holzapfel © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Olaf Holzapfel

Video frame. Bandeira, 1968. Serigrafia sobre tecido (caixa de acrílico) (edit.) © Carlos Vergara | Video: Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Carlos Vergara

Tim Berresheim © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Tim Berresheim

Gregor Jansen © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
O Poder da Multiplicação

O Poder da Multiplicação - Abertura da Exposição - Video - Thumbnail © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Abertura da Exposição em Porto Alegre

Marca Urbana - thumb © Pátio Vazio / Goethe-Institut Porto Alegre

Aura Remastered
Marca Urbana


Ensaios

Na era digital, a reprodutibilidade técnica estudada por Walter Benjamin sob contexto do fascismo e o desenvolvimento dos meios de comunicação de massa atingiu um novo nível. O que isso significa para a arte e o seu papel social? Como aponta Gregor Jansen em seu ensaio sobre o conceito da exposição, a base para essa discussão tem suas raízes no século XV, quando surgiram as primeiras problmeatizações a respeito do original e as suas reproduções e a tipografia, xilogravura e gravura produziram pela primeira vez arte reprodutível em larga escala. Os textos de Paulo Gomes e Andreas Schalhorn tratam da importância da gravura no Rio Grande do Sul e na Alemanha, enquanto Francisco Dalcol e Marcio Seligmann reiteram a importância do famoso ensaio de Walter Benjamin sobre a reprodutibilidade técnica na arte nos dias de hoje.

Top