Mulheres No Jogo
Desenvolvedoras de jogos brasileiras e alemãs

Mulheres no Jogo

Projeto

O programa de residências para desenvolvedoras de jogos brasileiras e alemãs incentiva o intercâmbio e o contato entre desenvolvedoras de jogos de ambos os países.

Através do convite do Goethe-Institut São Paulo, cinco desenvolvedoras alemãs de jogos viajarão a São Paulo para fazer uma residência de duas semanas, cada uma em um estúdio brasileiro de desenvolvimento de jogos. Em seguida, as desenvolvedoras de jogos brasileiras viajarão para uma residência de duas semanas na Alemanha. O programa acontecerá entre março e maio de 2018.

O programa proporciona a mulheres do setor de jogos de ambos os países um mergulho no dia a dia de um estúdio de desenvolvimento de jogos do outro país, que terão a oportunidade de conhecer através de observação direta. Em primeiro plano, estão a troca de conhecimento e a formação de redes. Durante as residências curtas, as participantes desenvolverão o conceito de um projeto de cooperação entre Alemanha e Brasil. O programa incentiva o contato entre desenvolvedoras de jogos, a troca de conhecimento e a internacionalização da indústria de games de ambos os países.

Os parceiros que cooperam com o Goethe-Institut no programa Mulheres no Jogo são a Abragames e a fundação Stiftung Digitale Spielkultur. O projeto é patrocinado pelo Ministério alemão das Relações Exteriores.

Mulheres_no_Jogo


Mulheres no Jogo


Entre março e maio aconteceu o programa de residências 'Mulheres no Jogo', incentivando o intercâmbio e contato entre desenvolvedoras de jogos brasileiras e alemãs.
Confira como foi essa experiência!
 

Desenvolvedoras de jogos

Parceiros

com fomento do

Logo: Auswärtiges Amt