Rio de Janeiro 2016+1 Lanchonete <> Lanchonete

Foto: Alline Ourique
Foto: Alline Ourique

O projeto Lanchonete <> Lanchonete, da artista Thelma Villas Boas, é literalmente uma porta aberta para a rua, com um letreiro e um quadro de giz convidando o passante a entrar. No cardápio, cultura acessível a todos e receitas para integrar o espaço de arte Saracvra a seu entorno: a área portuária do Rio. A região foi impactada pelo processo de gentrificação iniciado após mudanças urbanísticas realizadas no momento de preparação da cidade para os Jogos Olímpicos.

O que já foi uma garagem para um único carro, recebe desde o início de maio de 2017 artistas brasileiros e de outros países, pesquisadores, estudantes de todas as idades (especialmente crianças), turistas, moradores do Morro da Providência e do Morro da Conceição e transeuntes em geral. O apoio recebido do projeto Jogos do Sul viabiliza a realização semanal de oficinas, sempre gratuitas e abertas, tendo como público-alvo os moradores da região portuária. Na fachada do prédio, uma estrutura metálica e em acrílico, com luz neon, exibe a frase “pergunte a seus vizinhos”. O painel luminoso é um convite a ativar o diálogo e a interseção entre o espaço Saracvra e a região.

O artista Marcos Cardoso lidera a oficina Isso é arte, apropriando-se de objetos considerados descartáveis para produzir arte. Os participantes são convidados e reencontrar significados para guimbas de cigarro, palitos de fósforo, bambolês, tiras de sandália de borracha e outros materiais de uso cotidiano. Entre os objetivos está o de promover a reflexão sobre os conceitos de artesanato e de obra de arte. E também o de ressignificar materiais descartados por serem considerados lixo.

Thelma Vilas Boas conduz o laboratório O que vai para a sua mesa?, que põe os alimentos em evidência, analisando-os sob diversas perspectivas: forma, cor, matéria, nutrientes, origem e manejo de cultivo, valor de mercadoria, receitas, propriedades farmacêuticas, conhecimento da semente e do plantio. Desenhar, pintar, extrair seu pigmento e suas essências medicinais, cozinhar e plantar são algumas das estratégias para que discussões ganhem dimensões políticas e de saúde pública.
 

  • Oficina ensina a extrair pigmentos dos vegetais. Foto: Alline Ourique
    Oficina ensina a extrair pigmentos dos vegetais.
  • Itens geralmente descartados tornam-se matéria prima para arte. Foto: Alline Ourique
    Itens geralmente descartados tornam-se matéria prima para arte.
  • Itens geralmente descartados tornam-se matéria prima para arte. Foto: Alline Ourique
    Itens geralmente descartados tornam-se matéria prima para arte.
  • Um dos objetivos é despertar a criatividade das crianças. Foto: Alline Ourique
    Um dos objetivos é despertar a criatividade das crianças.
  • Recado do artista plástico Marcelo Brantes no quadro inspira os participantes das oficinas. Foto: Alline Ourique
    Recado do artista plástico Marcelo Brantes no quadro inspira os participantes das oficinas.
  • Entrada da Lanchonete>Lanchonete. Foto: Alline Ourique
    Entrada da Lanchonete>Lanchonete.
  • Quadro de avisos na entrada convida os passantes a entrar. Foto: Alline Ourique
    Quadro de avisos na entrada convida os passantes a entrar.
  • Idealizadora do projeto, a artista Thelma Vilas Boas conta história para as crianças. Foto: Alline Ourique
    Idealizadora do projeto, a artista Thelma Vilas Boas conta história para as crianças.