O futuro da memória  © ©Goethe-Institut O futuro da memória ©Goethe-Institut

As ditaduras, os conflitos armados e a violência marcaram a maioria dos países da América do Sul nas últimas décadas. Os processos de construção da memória histórica conduzidos na Colômbia, no Brasil, Uruguai, Chile, Peru e Argentina continuam ativos. Independentemente do lugar e do momento no qual começaram em cada país, esses processos são, ainda hoje, terrenos de disputas, antagonismos e tensões entre diversas narrativas, usos e abusos da memória. mais...

CIDADES

Região

“O futuro da memória” busca promover a interseção entre disciplinas artísticas, a ruptura das fronteiras na forma de pensar, bem como o cruzamento e o tensionamento dos discursos oficiais na América do Sul. Este espaço pretende converter-se em um lugar de encontro, para estabelecer relações entre as questões e as inquietações que atualmente são colocadas pelos artistas no que diz respeito à memória e ao esquecimento. mais...

Contracalendário

O contracalendário é um projeto digital que procura comemorar marcos específicos e acontecimentos que pertençam à memória coletiva da América do Sul e sejam diferentes dos feriados tradicionais.
 

Parceiros

Contato

GOETHE-INSTITUT COLÔMBIA

Carrera 11 A No. 93-52
Bogotá, D. C., Colômbia
Tel.: +57 1 601 8600
info@bogota.goethe.org

IMPRENSA

Britta Verlinden
Assessoria de imprensa
Tel.: +57 1 601 8600
britta.verlinden@goethe.de

Coordenação “O futuro da memória”

Úrsula Mendoza Balcázar

Coordenadora do projeto
ursula.mendoza@goethe.de

Top