Conversa JONAS LÜSCHER: FRÜHLING DER BARBAREN

Lüscher_Jonas © Geri Born

sáb, 31.10.2020

Online

ÜBER.LEBEN.SCHREIBEN

No âmbito da série ÜBER.LEBEN.SCHREIBEN – Narrativas sobre a crise e o futuro, o autor Jonas Lüscher apresentará seu romance Frühling der Barbaren. O evento terá a moderação de Anja Riedeberger (Goethe-Institut São Paulo, Brasil).
 
Com a série ÜBER.LEBEN.SCHREIBEN – Narrativas sobre a crise e o futuro, serão apresentados romances de autoras e autores em língua alemã que tratam de cenários ou crises futuras. Nestes tempos de transformação, pausa e reflexão, o gênero de ficção científica está em alta. As distopias criam visões do futuro e, portanto, indicam perigos e desenvolvimentos indesejáveis. Livros sobre crises pessoais também têm grande procura no momento, pois descrevem como as pessoas lidam com situações inesperadas ou difíceis da vida. Como sobrevivemos às crises? Como a literatura nos instiga a pensar no futuro?
 
Preising, suíço e herdeiro da fábrica da família, testemunha durante uma viagem de negócios os dispendiosos preparativos para uma festa de casamento em luxuoso resort num oásis na Tunísia. Membros da juventude inglesa endinheirada que circulam no mundo das finanças londrino reúnem a seu redor amigos e familiares numa celebração desenfreada, enquanto os sinais da crise econômica vão se adensando até irromper a catástrofe. A libra esterlina despenca, pouco depois a Inglaterra vai à bancarrota com consequências imprevisíveis, que não deixam de afetar também a Tunísia. Preising, que como suíço é poupado das consequências mais graves, é obrigado a constatar como é fina nossa capa de civilização … O romance de estreia de Jonas Lüscher é uma impressionante parábola sobre globalização e sistemas econômicos internacionais. Dissecando as fraquezas humanas, mira o próprio coração da atualidade. (Fonte: site da editora)

INSCRIÇÃO NECESSÁRIA

 
Jonas Lüscher nasceu em 1976 na Suíça. Frühling der Barbaren, seu romance de estreia, tornou-se um bestseller e figurou nas listas de indicados aos prêmios literários Deutscher Buchpreis, da Alemanha, e Schweizer Buchpreis, da Suíça, tendo sido traduzido para cerca de 20 idiomas, dentre eles o espanhol (La primavera de los bárbaros, Gatopardo Ediciones, 2015). Por Kraft, seu último livro, Jonas Lüscher recebeu o Schweizer Buchpreis. O autor também foi agraciado com diversas outras distinções, como o prêmio Hans Fallada e o Prix Franz Hessel. Jonas Lüscher vive atualmente em Munique. (Fonte: site da editora)

Voltar