A cidade de Dresden

  • Dresden Foto: Deutsche Zentrale für Tourismus

    Dresden

  • Dresden Foto: Fotolia/stockWERK

    Dresden

  • Kronentor des Dresdner Zwingers Foto: iStock

    Portão da coroa em Dresden

  • Hofkirche und Schloss Foto: iStock

    Hofkirche e castelo

  • Igreja Frauenkirche am Neumarkt Foto: Dresden Marketing

    Igreja Frauenkirche am Neumarkt

  • Rio Elba no verão Foto: Dresden Marketing

    Rio Elba no verão

  • Neustadt Foto: Thomas Koy

    Neustadt

  • Kunsthofpassagen Foto: Thomas Koy

    Kunsthofpassagen

  • Filarmônica de Dresden Foto: Dresden Marketing

    Filarmônica de Dresden

  • Palácio Wackerbarth Foto: Dresden Marketing

    Palácio Wackerbarth

  • Concerto de música clássica ao ar livre Foto: Dresden Marketing

    Concerto de música clássica ao ar livre

  • Região da Sächsische Schweiz Foto: Thomas Wolf

    Região da Sächsische Schweiz

  • Feira de Natal Foto: Dresden Marketing

    Feira de Natal

A velha cidade da corte real e residência do príncipe-eleitor, com seus 800 anos de história, já tinha uma grande importância cultural desde o século 17 e até hoje mantém sua força de atração turística. Desde a reunificação alemã que a cidade é intensamente reconstruída, restaurada e transformada. Suas nove escolas superiores são frequentadas por mais de 40.000 estudantes. A cidade universitária é o centro do pólo econômico mais importante da região leste da Alemanha. Empreendimentos do setor de microeletrônica, nanotecnologia, biotecnologia e engenharia de aviação são beneficiados pela proximidade da universidade e de diversos institutos de pesquisa. Graças a esta característica, Dresden ganhou um segundo apelido: "Silicon Saxony".

Cultura

As atrações mais famosas de Dresden são o palácio Zwinger, a ópera Semper, a igreja Frauenkirche e o palácio da cidade. 51 museus recebem visitantes em palácios, residências camponesas e galerias, bem como em antigas usinas de força e armazéns. De renome mundial são as galerias com obras de velhos e novos mestres da pintura, o museu da Abóbada Verde e o museu histórico Deutsches Hygienemuseum. As orquestras de Dresden, com a orquestra barroca e a orquestra sinfônica à frente, estão entre as melhores do mundo. A jovem cena literária de Dresden destaca-se na paisagem cultural. Inúmeras associações de incentivo à literatura, como "Literatur Jetzt!" ou o Dresdner Literaturbüro, fazem de Dresden o ponto de encontro das atuais tendências literárias.

Lazer

Enquanto na vida noturna da metrópole da Saxônia predomina a cena estudantil em aprox. 180 bares e clubes na periferia do bairro Neustadt, o centro da cidade atrai principalmente o público internacional para os inúmeros festivais de cinema, dança e música, bem como para a famosa feira de natal instituída há mais de 570 anos. Lindos parques convidam para longas caminhadas, quilômetros de ciclovias ao longo do rio Elba propiciam passeios de bicicleta, corridas e a prática de skate. Nas redondezas da cidade encontra-se a região conhecida como a Suíça da Saxônia, a Sächsische Schweiz, que com suas bizarras formações de arenitos oferece uma das paisagens mais espetaculares da Alemanha.
 

Top