Acesso rápido:

Ir diretamente ao contéudo (Alt 1) Ir diretamente à navegação principal (Alt 2)

Minuto Poesia

O podcast do Goethe-Institut que celebra a prosa e a poesia

Minuto Poesia é o podcast de leitura de poesia e prosa dos Goethe-Institut de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Curitiba. Com três temporadas disponíveis, para cada episódio um convidado ou convidada do mundo da cultura lê um poema ou trecho de livro de sua escolha. São textos traduzidos e, em alguns casos, também no original alemão. Poetas, romancistas, livreiros e livreiras, tradutores e tradutoras, editores e editoras, atores e atrizes participam da empreitada, apresentando autoras e autores de expressão alemã preferidas e preferidos. 
Conceito: Bethe Ferreira
Curadoria: Marcelo Lotufo
Edição de som: Barulhista

Onde escutar:

 

Quarta Temporada

O podcast de literatura do Goethe-Institut lança sua quarta temporada, com trechos em prosa de autorias marcantes. Com episódios curtos, foram selecionados trechos de livros expressivos em suas épocas e relevantes até hoje, do romance à prosa filosófica, um guia para se conhecer mais sobre a literatura de expressão alemã e revisitar passagens de obras conhecidas.
A quarta, propõe uma abordagem mais ampla das possibilidades da prosa. Vozes diferentes apresentam as passagens em prosa. Participam pessoas que trabalham nas mais diversas atividades que envolvem livros — ficcionistas, tradutores, editores, professores e produtores culturais, provenientes de Curitiba, Mossoró, Rio de Janeiro, São Paulo, entre outras cidades. Desta temporada, participam com leituras Alice do Val, André Capilé, Bruno Mendes, Carlos Eduardo Soares, Denise Soares, Francine Cruz, Isaías Gonçalves, Marilena Nakano, Reynaldo Damazio e Tomaz Amorim. Marcelo Lotufo segue na curadoria do projeto.
Momento Prosa © Goethe-Institut André Capilé lê Robert Musil 

Autor: Robert Musil (1880 – 1942) foi um importante escritor modernista da língua alemã. Austríaco, Musil participou da primeira Guerra Mundial e sua literatura fala principalmente dos anos finais do Império Austro Húngaro. Durante a Segunda Guerra, teve seus livros banidos e, após a invasão da Áustria pelo regime nazista, acabou exilado na suíça. Seu livro mais conhecido, O Homem sem qualidades, foi publicado em três volumes entre 1930 e 1943, permanecendo incompleto, o que não impediu de tornar-se um clássico da literatura.
Leitor: André Capilé nasceu em Barra Mansa (RJ) em 1978. É professor, poeta, tradutor e performador. Publicou rapace (2012) pela editora TextoTerritório; balaio (2014), pela coleção Megamíni da 7 Letras; muimbu (2017) e paratexto (2019) pelas Edições Macondo; rebute (2019) e chabu (2019) pela editora TextoTerritório, e azagaia (2021) pelas Edições Macondo
Momento Prosa © Goethe-Institut Marilena Nakano lê Charlotte Beradt  

Autora: Charlotte Beradt (1907-1986) foi uma jornalista que se notabilizou por seu trabalho de coletar e redigir sonhos de diferentes pessoas, de diversas classes sociais e origens, durante o período nazista na Alemanha. Com o crescimento do sentimento antissemita no país durante o regime de Hitler, Charlotte irá se refugiar na Inglaterra e depois nos Estados Unidos, onde passará o resto de sua vida. No Brasil, Sonhos no Terceiro Reich foi publicado pela Editora Três Estrelas.
Leitora: Marilena Nakano é organizadora do projeto Rede Beija-Flor de bibliotecas em Santo André e atua no campo do direito à literatura, como direito humano fundamental de todos.
 
Momento Prosa © Goethe-Institut Isaías Gonçalves lê Thomas Mann

Autor: Thomas Mann (1875-1955) foi um dos principais escritores de língua alemã do século XX e ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1929. Ensaísta, romancista, contista e crítico social, Thomas Mann é considerado um herdeiro do idealismo alemão e se opôs ao governo do Terceiro Reich, sendo perseguido e exilando-se nos Estados Unidos. Entre seus livros mais conhecidos estão A Montanha Mágica (1924), Morte em Veneza (1912) e Doutor Fausto (1947). Sua mãe, Júlia da Silva Bruhns, era brasileira.
Leitor: Isaías Gonçalves é professor na cidade de Mossoró, Rio Grande do Norte, criador do Instagram Livro Bakana e do canal de Youtube Mais Literatura, além de participar do projeto Clube Leia Nordeste.
Momento Prosa © Goethe-Institut Denise Soares lê Michael Krüger

Autor: Michael Krüger (1943 - ) é um escritor, tradutor e editor alemão. Integrante da academia berlinense de Artes, Krüger escreveu uma obra diversa, se exprimindo em diferentes formatos, como contos, poemas e romances. No Brasil, seu romance A violoncelista foi publicado pela Companhia das Letras e conta a história de um músico erudito que só conseguiu fazer sucesso compondo para a televisão, e que vê a sua vida transformada quando a filha de uma antiga namorada aparece em sua casa pedindo estadia.
Leitora: Denise Soares é produtora e técnica de programação cultural na Casa Guilherme de Almeida, em São Paulo.
Momento Prosa © Goethe-Institut Bruno Mendes lê Günter Grass

Autor: Günter Grass (1927 – 2015) é um dos autores mais importantes do pós-guerra alemão e ganhador do prêmio Nobel em 1999. Seu romance mais conhecido, O Tambor, publicado no Brasil pela editora Nova Fronteira, narra a experiência de um jovem em uma Alemanha destruída pela guerra. Em Descascando cebola, livro autobiográfico do autor, sua experiência como um jovem que cresceu durante o Terceiro Reich é tratada em detalhes e o aspecto biográfico de sua ficção também fica evidente.
Leitor: Bruno Mendes dos Santos é professor e tradutor. Pesquisou em seu mestrado a literatura de Günter Grass.
Momento Prosa © Goethe-Institut Francine Cruz lê Rainer Maria Rilke 

Autor: Rainer Maria Rilke (1875 – 1926) nasceu em Praga, então parte do império austro-húngaro. Mais conhecido por sua poesia de imagens fortes e sentidos metafóricos, Rilke também escreveu prosa. Entre outras coisas, foi secretário do escultor Rodin em Paris e viveu em diferentes países, como Itália e Alemanha, se mudando após a Primeira Guerra Mundial para a Suíça, país onde viria a falecer. Seu livro mais conhecido são As Elegias de Duíno (1923).
Leitora: Francine Cruz é professora, escritora e criadora do canal sobre livros Senhora Literatura. Publicou, entre outros, Amor Maybe e A obra poética de Ana Crisna Cesar: ressignificação do biografismo.
Momento Prosa © Goethe-Institut Carlos Eduardo Soares lê Herman Hesse

Autor: Herman Hesse (1877 – 1962) foi um importante escritor alemão do século XX. De uma família de protestantes pietistas, mesmo tendo abandonado o cristianismo, teve na espiritualidade um elemento central da sua ficção, se interessando pelo hinduísmo e sua maneira de olhar o mundo. Em 1946 recebeu o prêmio Nobel de literatura por sua obra e compromisso com o humanismo. Autor de uma obra extensa e bastante traduzida ao português, tem entre seus livros mais conhecidos O Lobo da Estepe (1927) e Demian (1919).
Leitor: Carlos Eduardo Soares é criador do instagram literário o alfarrabista.
Momento Prosa © Goethe-Institut Alice do Vale lê Elfriede Jelinek

Autor: Elfriede Jelinek (1946 - ) é uma dramaturga e romancista austríaca. Com uma obra de grande zelo linguístico e investigação dos jogos de poder em nossa sociedade, ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 2004. Autora de uma literatura fortemente política, descrita por vezes como feminista, Jelinek teve publicado no Brasil os romances A pianista e Desejo, ambos pela editora Tordesilhas.
Leitora: Alice do Vale traduziu as peças “Andorra”, de Max Frisch, “Trilogia do reencontro”, de Botho Strauss e “No caminho do rei”, de Elfriede Jelinek. 
Momento Prosa © Goethe-Institut Reynaldo Damazio lê Walter Benjamin

Autor: Walter Benjamin (1892 – 1940) foi um dos mais importantes pensadores alemães do século XX. Ensaísta, crítico, tradutor e filósofo, participou da escola de Frankfurt ao lado de outros pensadores como Max Horkheimer e Theodor Adorno. Ente seus assuntos mais marcantes, estão Baudelaire e Proust, além de um ensaísmo que se interessava também pelo pensamento religioso e messiânico. Sua obra está extensamente traduzida no Brasil.
Leitor: Reynaldo Damazio escreve, edita, traduz e coordena atividades culturais na Casa das Rosas. É autor de Crítica de trincheira: resenhas (Giostri/Dobradura, 2019). 
Momento Prosa © Goethe-Institut Tomaz Amorim lê Franz Kafka

Autor: Franz Kafka (1883 – 1924) foi um dos escritores de expressão alemã mais importantes do início do século XX. Nascido no antigo Império Austro Húngaro, Kafka desenvolveu um estilo inconfundível, no qual criou narrativas onde o real e o insólito coabitam com grande naturalidade. Entre seus temas mais conhecidos estão a burocracia e a opressão do Estado. Sua obra, publicada na sua maior parte postumamente, foi extensamente traduzida para o português e é composta de contos e romances, entre eles O Castelo (1926) e O Processo (1925).
Leitor: Tomaz Amorim é professor, crítico, tradutor e poeta. Entre outras coisas, possui uma coluna na revista Fórum e publicou os livros de poemas Plástico pluma e meia lua soco.
Momento Prosa © Goethe-Institut Rodrigo Alves do Nascimento lê Arthur Schnitzler 

Autor: Arthur Schnitzler (1862 – 1931) foi um médico e escritor austríaco. Sua obra, bastante diversa, composta por peças de teatro e novelas, explora a forma modernista do fluxo de consciência e demonstra grande interesse pelo inconsciente. Austríaco e contemporâneo de Freud, Schnitzler se correspondeu com o pai da psicanálise e sua vida e interesses são com frequência estudados em paralelo à vida e aos interesses dele.
Leitor: Rodrigo Alves do Nascimento é professor, tradutor e crítico de teatro no site Cena Aberta. Tem Doutorado em Literatura e Cultura Russa pela USP e é autor de "Tchékhov e os palcos brasileiros" (Ed. Perspectiva, 2018). 
Momento Prosa © Goethe-Institut Caio Vitor Miranda lê E. T. A. Hoffmann 

Autor: Ernst Theodor Amadeus Wilhelm Hoffmann (1776 – 1822), E. T. A. Hoffman, foi um dos principais escritores românticos alemães e um dos mais destacados escritores de literatura fantástica no século XIX. Suas obras inspiraram diversos outros escritores e foram a base do balé Quebra Nozes e da ópera Coppelia. Seus principais contos estão traduzidos em diferentes versões no Brasil e são clássicos da literatura romântica e fantástica.
Leitor: Caio Vitor Miranda é professor de literatura e o criado da página, podcast literário e canal de Youtube Littera-se.
Momento Prosa © Goethe-Institut Paulo Lannes lê Gustav Meyrink 

Autor: Gustav Meyrink (1886 – 1932) foi um dramaturgo, escritor e banqueiro austro-húngaro. Sua obra explora o gênero de literatura fantástica. Seu romance mais conhecido, O Golem, foi publicado no Brasil pela editora Carambaia. Junto de Noite de Walpurgis e o Rosto Verde, outros romances fantásticos de Meyrink, O Golem se tornou pedra de toque da literatura fantástica alemã no início do século XX.
Leitor: Paulo Lannes é fundador e editor na editora Pinard e criador do Instagram literário Lendoarte.
Momento Prosa © Goethe-Institut Márcio Renato dos Santos lê Wolfgang Goethe

Autor: Johann Wolfgang von Goethe (1749 – 1832) foi um dos mais importantes escritores de língua alemã. Goethe foi um dos líderes do movimento Sturm und Drang e peça chave para se entender o romantismo europeu. Entre os seus livros mais famosos estão os clássicos Fausto, Os sofrimentos do jovem Werther e Os anos de aprendizagem de Wilhelm Meister. Seus romances têm diversas traduções no Brasil. Suas cartas, ensaios e palestras tem sido publicados pela Editora da Unesp.
Leitor: Márcio Renato dos Santos é jornalista, editor e escritor curitibano. Publicou, entre outros, os romances A cor do presente e o livro de contos Outras dezessete noites.
Momento Prosa © Goethe-Institut Guido Viaro lê Robert Walser 

Autor: Robert Walser (1878 – 1956) foi um escritor suíço de língua alemã. Autor de contos enigmáticos, Walser foi um escritor apreciado por autores centrais do século XX europeu como Franz Kafka, Robert Musil e Walter Benjamin. Sua obra, menos conhecida do que a de seus apreciadores, talvez pelo seu formato de difícil categorização, tem recebido maior atenção nos últimos anos.
Leitor: Guido Viaro é escritor e membro da Academia Paranaense de Letras. Publicou, entre outros, o romance O Cubo Mágico, vencedor Prêmio Biblioteca Digital, da Biblioteca Pública do Paraná.
Momento Prosa © Goethe-Institut Lucas Litrento lê Hermann Broch 

Autor: Hermann Broch (1886 – 1951) foi um importante escritor modernista. Nascido na Áustria em uma família judia, com a conquista do país pelas forças nazistas durante a Segunda Guerra Broch precisou exilar-se nos Estados Unidos, onde veio a falecer em 1951. A investigação dos costumes, a hipocrisia, a violência e a luxúria são os temas centrais do seu trabalho. Broch é autor, entre outros, dos romances Os Sonâmbulos e Virgílio.
Leitor: Lucas Litrento é escritor, realizador cinematográfico e produtor cultural  em Maceió/AL. Publicou o livro Os meninos iam pretos porque iam (Graciliano, 2019) e TXOW, seu livro de contos, será lançado pela Edipucrs, como vencedor do Prêmio Delfos de Literatura. 
Momento Prosa © Goethe-Institut Laura Del Rey lê Wolfgang Herrndorf

Autor: Wolfgang Herrndorf (1965 – 2013) é um popular escritor contemporâneo alemão. Sua ficção, sempre ácida, explora a cultura popular e a experiência jovem na Alemanha. Seu romance mais conhecido, Tschick, conta a história da formação de dois jovens de 14 anos na Alemanha contemporânea. Herrndorf contribuiu para diferentes blogs de literatura, onde testou suas ideias e amadureceu sua escrita.
Leitora: Laura Del Rey é formada em cinema e pós-graduada em escrita criativa. Laura é editora na Editora Incompleta onde coordena, entre outros projetos de literatura e quadrinhos, a revista Puñado.
Momento Prosa © Goethe-Institut Luiz Andrioli lê Heinrich Mann

Autor: Heinrich Mann (1871 – 1950) foi um importante escritor modernista alemão. Como seu irmão, Thomas Mann, Heirich precisou fugir da Alemanha e se exilar nos Estados Unidos durante a Segunda Guerra. Sua prosa, sempre interessada em investigar temas sociais, satirizou a Alemanha imperial e foi bastante popular durante a república de Weimar.
 
Leitor: Luiz Andrioli é escritor, jornalista e diretor de Conteúdo e Negócios da Prosa Nova EduCultTech. Andrioli publicou diversos livros, entre eles, Crônicas do varal da casa ao lado e O silêncio do vampiro.
Momento Prosa © Goethe-Institut Juliana Leuenroth lê Christa Wolf

Autora: Christa Wolf (1929 – 2011) foi uma importante escritora, ensaísta e crítica literária do pós-guerra na Alemanha. Wolf foi uma das mais importantes escritoras a surgirem na Alemanha oriental no pós Guerra. O trabalho de Wolf revisita, por uma lente feminista, histórias clássicas como a Guerra de Troia e a tragédia de Medeia, buscando levantar novos sentidos críticos e contemporâneos para estes textos clássicos.
Leitora: Juliana Leuenroth é estudante de literatura alemã, coordenadora do projeto Leia Mulheres e mediadora do clube Leia Mulheres São Paulo.
Momento Prosa © Goethe-Institut Willy Bertolini lê Sefan Zweig

Autor: Stefan Zweig (1881 – 1942) foi um importante escritor austríaco, entre os mais populares e traduzidos dos anos 20 e 30 em todo o mundo. Durante a Segunda Guerra Zweig imigrou para a Inglaterra, depois para os Estados Unidos e posteriormente para o Brasil, onde estabeleceu residência até sua morte. A casa de Stefan Zweig em Petrópolis é hoje um centro cultural e pode ser visitada.
Leitor: Willy Bertolini é ator, escritor e marinheiro. Coordena, com Francine Cruz, o projeto “Às vezes, aos domingos”, em que entrevistam escritores paranaenses.
Momento Prosa © Goethe-Institut Andréia Carvalho Gavita lê Silke Scheuermann

Autora: Silke Scheuermann (1973 - ) é uma jovem poeta e romancista alemã. Seu romance de estreia, A hora entre o cão e o lobo, recebeu o importante prêmio Grimmelshausen-Preis e foi traduzido para mais de dez línguas. Scheuermann estudou teatro e literatura em Paris e Frankfurt e escreve para a revista literária Volltext. Sua poesia também ganhou importantes prêmios na Alemanha.
Leitora: Andréia Carvalho Gavita é poeta e integra o corpo editorial das revistas Zunái e mallargens. Publicou, entre outros, o livro Cílios Prostíbulos.
Momento Prosa © Goethe-Institut Danilo Pereira lê Karl Philipp Moritz

Autor: Karl Philipp Moritz (1763 – 1827) foi um importante escritor e editor romântico alemão que participou do movimento Sturm und Drang junto de Goethe e outros. Além de crítica literária e ensaios, Moritzt escreveu uma importante biografia em quatro partes de Anton Reiser. Como professor em Berlin, teve diversos alunos que se tornariam figuras importantes da literatura alemã no século XIX, como Alexander von Humboldt e Ludwig Tieck.
Leitor: Danilo Pereira é professor e criador do Instagram literário DaniloKalashnikov
Momento Prosa © Goethe-Institut Petê Rissatti lê Thea Gabriele von Harbou

Autora: Thea Gabriele von Harbou (1888 – 1954) foi uma atriz, roteirista e escritora alemã. Foi casada com o cineasta Fritz Lang que baseou seu conhecido filme Metrópolis no romance homônimo de Harbou. Durante o período Nazista, Harbou trabalhou para o regime nacional socialista e, após a guerra, foi mantida em um campo de prisioneiros Britânico.
Leitor: Petê Rissatti é preparador de texto e tradutor. Trabalhou com as principais editoras do país. Rissatti publicou, também, o romance Réquiem: sonhos proibidos.
Momento Prosa © Goethe-Institut Cide Piquet lê Wolfgang Borchert 

Autor: Wolfgang Borchert (1921 – 1947) foi um escritor modernista alemão. Membro de uma família de intelectuais de esquerda, Borchert se inicia aos quinze anos na poesia, e se interessa pelo expressionismo, arte considerada degenerada pelo regime Nazista. Seu interesse pelo modernismo o torna suspeito para a polícia alemã durante o Terceiro Reich e, apesar de chegar a se alistar a contragosto no exército, consegue fugir e retornar para Hamburgo onde funda um pequeno teatro.
Leitor: Cide Piquet é tradutor, poeta e editor na Editora 34. Traduziu, entre outros, as poesias de Nicanor Parra e Raymond Carver.
Momento Prosa © Goethe-Institut Iuri Pereira lê Joseph Roth 

Autor: Joseph Roth (1894 – 1939) foi um escritor e jornalista austríaco. Roth cobriu, como jornalista, a primeira guerra mundial. Após a guerra, passou a escrever sobre a república de Weimar e as mudanças pela qual passava a cidade de Berlim neste período, com a vinda de refugiados internacionais para a cidade e o surgimento de novas tecnologias, como o carro, que se popularizaram após a guerra.
Leitor: Iuri Pereira é professor de literatura e editor na Editora Hedra.
Momento Prosa © Goethe-Institut Érica Azzellini lê Doris Dorrie

Autora: Doris Dorrie (1955 - ) è uma escritora, diretora de cinema e produtora alemã. Dorrie trabalhou como resenhista de filmes para o jornal alemão Süddeutsche Zeitung. Seu filme mais recente, Kirschblüten & Dämonen, trata de luto e família. O Vestido Azul, seu romance mais conhecido e traduzido no Brasil, também explora questões de morte e luto, assim como a necessidade de redescoberta e reinvenção após perdas emocionais.
Leitora: Érica Azzellini é gerente de comunidades do movimento Wiki Brasil.

Terceira Temporada

Momento Prosa é a terceira temporada do podcast e apresenta ficcionistas que deram forma à literatura de expressão alemã. Há autorias bem conhecidas no Brasil, como é o caso de Herta Müller e de Ingo Schulze, e também novos nomes da cena contemporâneo, como Timo Berger e Leif Randt. Destacam-se também as leituras de trechos da romena Aglaja Veteranyi e da ucraniana Katja Petrowskaja, autora traduzida para mais de 20 idiomas. Outra escritora muito popular, a berlinense Julia Franck, traduzida para mais de 30 idiomas, pode-se escutar um trecho de A mulher do meio-dia. A lista ainda inclui W. G. Sebald, entre outros nomes.
Momento Prosa © Goethe-Institut Andreia Manfrin lê Jana Scheerer

Autora: Jana Scheerer (1978, Bochum) é jornalista, escritora e revisora de livros. Vive em Berlim. Scheerer estudou comunicação e literatura alemã e americana na universidade de Postdam. Seu romance, Meu pai, seu porco e eu é seu primeiro romance. Scheerer ganhou bolsas de escrita do Literarischen Colloquiums Berlin e o prêmio Literaturpreis Prenzlauer Berg, em 2004. 
 
Leitora: Andréia Manfrin Alves é tradutora, intérprete e atriz. Organiza os encontros do Barcamp São Paulo.
Momento Prosa © Goethe-Institut André Balbo lê Uwe Timm

Autor: Uwe Timm (1940) é um dos autores contemporâneos de maior sucesso na Alemanha. Com formação em filosofia e literatura alemã, há cerca de quatro décadas se dedica à escrita de literatura. Sua produção lhe rendeu os prêmios Napoli e o Mondello, em 2006, entre outros. No Brasil, a editora Dublinense publicou dois de seus livros: À sombra do meu irmão e A descoberta de Currywurst.
 
Leitor: André Balbo é editor da revista Lavoura e escritor. Publicou, entre outros, o romance Agora posso acreditar em unicórnios (Reformatório, 2021).
Momento Prosa © Goethe-Institut Carol Rodrigues lê Herta Müller

Autora: Herta Müller (1953) é uma escritora alemã nascida na romena. Depressões (1982) é o seu primeiro livro. Seus livros foram censurados pela ditadura de Nicolau Ceauşescu. Em 1987, emigrou para a Alemanha. Recebeu o Nobel de Literatura de 2009 e a Grã-Cruz de Mérito com Estrela da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, em 2010, entre outros prêmios.
 
Leitora: Carol Rodrigues é uma escritora brasileira. Estreou com os contos de Sem vista para o mar (Edith), que lhe rendeu o Prêmio Jabuti e o Prêmio Clarice Lispector, em 2015. Publicou, em 2019, o romance O melindre nos dentes da besta (7 letras).
Momento Prosa © Goethe-Institut Arthur Lungov lê Arno Geiger

Autor: Arno Geiger (1968) é um escritor austríaco. Com formação em estudos germânicos, história antiga e literatura comparada em Viena, há quase duas décadas se dedica à literatura. Recebeu o Deutscher Buchpreis em 2005 pelo romance Es geht uns gut. 
 
Leitor: Arthur Lungov é poeta e editor de poesia da revista Lavoura. É autor de Corpos (Quelônio, 2019) e da plaquete Anticanções (Sebastião Grifo, 2019).
Momento Prosa © Goethe-Institut Maria Fernanda Elias Maglio lê Terézia Mora

Autora: Terézia Mora é uma escritora húngara radicada na Alemanha  e que produz em língua alemã e húngara. Estudou teatro na universidade de Humboldt, em Berlim, e formou-se como roteirista na Academia Alemã de Cinema e Televisão. Recebeu o Georg Büchner Preis em 2018. 
 
Leitora: Maria Fernanda Elias Maglio (1980) é uma escritora brasileira. Seu primeiro livro de contos, Enfim, Imperatriz, publicado em 2017 pela editora Patuá, recebeu o prêmio Jabuti.
Momento Prosa © Goethe-Institut Moisés Alves lê Aglaja Veteranyi 

Autora: Aglaja Veteranyi (1962-2002) foi uma atriz, dramaturga, diretora e escritora romena que produziu em língua alemã. Fundou, em 1993, o grupo de literatura experimental Die Wortpumpe e, em 1996, o grupo de teatro Die Engelmaschine. Adaptou seu romance Por que a criança cozinha na polenta (1999) para teatro. 
 
Leitor: Moisés Alves é um escritor baiano e professor universitário nas áreas de letras e cinema.
Momento Prosa © Goethe-Institut Paula Carvalho lê Katja Petrowskaja 

Autora: Katja Petrowskaja (1970) é uma escritora russa que produz em língua alemã. Colabora como jornalista em publicações russas e alemãs. Talvez Esther (2019), seu romance de estreia, lhe rendeu os prêmios Ingeborg Bachmann (2013), Ernst Toller (2014) e o Strega Europeu (2015) e conta a história de sua família durante o holocausto. 
 
Leitora: Paula Carvalho é editora-assistente da revista Quatro Cinco Um.
Momento Prosa © Goethe-Institut Raquel Meneguzzo lê Leif Randt

Autor: Leif Randt (1983) é um jovem  escritor alemão. Seu último romance, Allegro Pastell (2020) foi indicado ao Leipziger Buchmesse e ao Deutsche Buchpreis e foi recebido como uma promessa da nova escrita alemã. Randt estudou escrita criativa e jornalismo na Inglaterra. Em 2021, recebeu o prêmio Mörike.  
 
Leitora: Raquel Meneguzzo é doutoranda em literatura pela UFRS, atua como professora e tradutora. Traduziu Allegro Pastell para o português.
Momento Prosa © Goethe-Institut Rita Barros lê Hansjörg Schertenleib

Autor: Hansjörg Schertenleib (1957) é um escritor suíço. Formou-se na Academia de Artes Aplicadas de Zurique e foi editor da revista literária Orte, entre 1980 e 1984. Foi escritor-residente de alguns importantes programas nos Estados Unidos. Traduziu para o alemão autores como Sam Shepard e Kenneth Cook. A orquestra da chuva (2011) e Os inomináveis (2008) são livros seus traduzidos no Brasil.
 
Leitora: Rita Barros é poeta, produtora cultural e educadora.
Momento Prosa © Goethe-Institut Susanna Berhorn lê Juli Zeh 

Autora: Juli Zeh (1974) é uma escritora e advogada alemã. Especialista em direito internacional e uma das intelectuais mais influentes da Alemanha contemporânea, ficou conhecida em 2001 com seu romance de estreia Adler und Engel (Águias e Anjos). Os principais temas de suas obras são a moral e a justiça. No Brasil, foi traduzida por Marcelo Backes.
 
Leitora: Susanna Berhorn é tradutora e intérprete.
Momento Prosa © Goethe-Institut Valeska Brinkman lê Judith Hermann

Autora: Judith Hermann (1970) é uma escritora alemã líder do movimento de escritoras mulheres, Fräuleinwunder. Dentre os prêmios recebidos por seu trabalho, destacam-se o Kleist-Preis (2001), o Friedrich Hölderlin Preis (2009), o Erich Fried Preis (2014) e o Rheingau Literatur Preis (2021). Seu último romance, Daheim, foi pubicado em 2021. 
 
Leitora: Valeska Brinkmann é poeta, tradutora e produtora na emissora pública de Berlim e Brandemburgo.
Momento Prosa © Goethe-Institut Ana Rüsche lê Julia Franck

Autora: Julia Franck (1970) é uma escritora berlinense. É filha da atriz Anna Franck e sua família tem uma forte presença na cena cultural alemã, no cinema, na escultura, na ilustração, e agora, na literatura. Os livros de Julia Franck foram traduzidos para mais de 35 idiomas. A mulher do meio-dia (2008) foi traduzido no Brasil por Marcelo Backes. 
 
Leitora: Anna Rüsche é escritora de ficção científica e de poesia. Publicou, entre outros, os premiados Acordados (2007) e A telepatia são os outros (Monomito, 2019).
Momento Prosa © Goethe-Institut Evandro Melo lê Christoph Ransmayr

Autor: Christoph Ransmayr (1954) é um escritor austríaco. Com cerca de seis décadas de produção literária, Ransmayr já recebeu diversos prêmios por suas obras, dentre os quais destacam-se o Bertold Brecht, em 2004, e o Kleist, em 2018. Seu romance Pavores de gelo e trevas (2010) foi traduzido por Marcelo Backes. Ransmayr é conhecido principalmente por seus livros que retrabalham histórias canônicas reapresentando-as ao leitor contemporâneo.
 
Leitor: Evandro Melo é ator e produtor cultural em São Paulo.
Momento Prosa © Goethe-Institut Cleydia Esteves lê Rafik Schami

Autor: Rafik Schami (1942) é um autor sírio-alemão. Desde o final da década de 1970 se dedica à literatura em língua alemã. Rafik é um dos mais expoentes autores a tratar da imigração de países árabes para a Alemanha a partir dos anos 60. O segredo do calígrafo (2004) foi traduzido por Silvia Bittencourt e publicado pela Estação Liberdade. 
 
Leitora: Cleydia Esteves é historiadora, geógrafa e, mais recentemente, estudante de alemão na UFRJ.
Momento Prosa © Goethe-Institut Frederico Klumb lê Ingo Schulze

Autor: Ingo Schulze (1962) é um escritor alemão. É autor de, entre outros, Vidas Novas, que lhe rendeu o prêmio Grinzane Cavour, em 2008, e foi publicado no Brasil pela Cosac Naify com tradução de Marcelo Backes. Schulze se formou em filologia e literatura alemã e trabalhou como jornalista e dramaturgo antes de se dedicar à literatura. É dos autores expoentes a tratar da unificação alemã e de seus efeitos através da literatura. 
 
Leitor: Frederico Klumb (1990) é escritor e cineasta. Publicou Máquinas mancas da manhã (Edições Garupa), Cinema Circular (7letras), bichos contra a vontade (7letras), entre outros.
Momento Prosa © Goethe-Institut Érica Zingano lê Timo Berger

Autor: Timo Berger (1974) é poeta, produtor cultural e tradutor. Dirige o Festival Latinale voltado para literatura Latino-Americana e, de 2004 a 2007, dirigiu também o Festival de poesia Salida al Mar, na Argentina. Seu livro de contos Moldávia e outras histórias (2021) foi traduzido por Douglas Pompeu e publicado pela Edições Jabuticaba.
 
Leitora: Érica Zíngano é poeta e trabalha com artes visuais e performance.
Momento Prosa © Goethe-Institut Giovanna Sant'Ana lê Leonie Swann

Autora: Leonie Swann (1975) é uma escritora alemã de narrativas de crime e mistério. Um caso para Miss Maple (2005) é o primeiro romance de uma série. Swann estudou literatura americana e psicologia. Seus livros já foram traduzidos para mais de 35 línguas e são um sucesso de vendas na Alemanha. 
Leitora: Giovanna Sant’Ana é gestora cultural e integra a equipe da SP Leituras.
Momento Prosa © Goethe-Institut Fabiane de Cezaro lê Daniel Kehlmann

Autor: Daniel Kehlmann (1975) é um autor alemão que vive em Viena. É um dos autores mais celebrados em língua alemã. Recebeu os prêmios literários Heinrich von Kleist, Thomas Mann e o prêmio da Fundação Konrad Adenauer. Diversos de seus livros foram adaptados para o cinema e televisão. Desde 2015 Kehlmann é professor na Universidade de Nova York. 
 
Leitora: Fabiane de Cezaro é atriz e mediadora de leitura. Faz parte da Inominável Companhia de Teatro e do Grupo Puto, e está no youtube no canal Nossas Leituras.
Momento Prosa © Goethe-Institut Guilherme Pavarin lê W. G. Sebald

Autor: W. G. Sebald (1944-2001) foi um escritor alemão que viveu boa parte de sua vida na Inglaterra. Seu pai foi prisioneiro de guerra durante a Segunda Guerra Mundial. A guerra e a Shoá são temas recorrentes de sua escrita. Austerlitz (2008) foi traduzido por José Marcos Mariani de Macedo e publicado pela Companhia das Letras.
 
Leitor: Guilherme Pavarin é jornalista, escritor e pesquisador da área de literatura.
Momento Prosa © Goethe-Institut Lilyan de Souza lê Ferdinand von Schirach

Autor: Ferdinand von Schirach (1964) é um escritor e advogado alemão. Em Culpa (2014), se baseia em sua experiência nos tribunais, enquanto advogado, para escrever seus contos, nos quais trabalha a noção de culpa e moral. Apesar de ter publicado suas primeiras histórias somente com 45 anos, von Schirach rapidamente se tornou um dos mais populares escritores da língua alemã do presente.
 
Leitora: Lylian de Souza é atriz, diretora teatral, produtora cultural, contadora de histórias e mediadora de leitura. Em 2010, fundou a Inominável Companhia de Teatro.
Momento Prosa © Goethe-Institut Murilo Jardelino lê Ilija Trojanow

Autor: Illija Trojanow (1965) é um autor e tradutor búlgaro-alemão. Orginalmente mais conhecido como escritor de não ficção, Trojanow usou suas experiências de imigração e exílio para escrever ficção. O romance O colecionador de mundos (2010), que conta com tradução de Sérgio Tellarolli, é inspirado nas viajas do aventureiro e diplomata inglês Richard Francis Burton.
 
Leitor: Murilo Jardelino é professor e tradutor do alemão.
Momento Prosa © Goethe-Institut Priscila Pasko lê Robert Löhr

Autor: Robert Löhr (1973) é um jornalista, escritor e roteirista alemão. Seu romance mais conhecido é Der Schachautomat, que foi traduzido no Brasil como A máquina de xadrez, em 2012, por André Del Monte e Kristina Michahelles, e publicado pela Editora Record. Löhr é conhecido por seus romances históricos, que reconstroem encontros e momentos importantes da história mundial.
 
Leitora: Priscila Pasko (1983) é jornalista e escritora. Como se mata uma ilha (Zouk, 2019) é o seu primeiro livro de contos.
Momento Prosa © Goethe-Institut Pedro Spigolon lê Saša Stanišić

Autor: Saša Stanišic (1978) é um escritor bósnio-alemão. Sua família se refugiou na Alemanha durante a Guerra da Bósnia. Em 2006, publica seu primeiro romance, Como o soldado conserta o gramofone (2009), marcado pela experiência que viveu durante a guerra. Antes da festa (2015), seu segundo romance, recebeu o prêmio da Feira de Livro de Leipzig em 2014.
 
Leitor: Pedro Spigolon (1992) é bacharel em Sociologia e escritor. Publicou espanto (Editora Medita, 2015) e poemas na revista literária euOnça, yoJaguar e na antologia do Jornal RelevO.
Momento Prosa © Goethe-Institut Daniela Amendola lê Judith Schalansky

Autora: Judith Schalansky (1980) é uma escritora alemã. Sua escrita lança olhar para um tipo de arqueologia, uma busca no passado. Publicou, entre outros, Inventário de algumas perdas (2018), que lhe rendeu o Prêmio Strega Europeo em 2020, e O pescoço da girafa (2016), traduzido no Brasil por Petê Rissatti.
 
Leitora: Daniela Amendola é livreira na livraria Mandarina.
Momento Prosa © Goethe-Institut Gil Veloso lê Joachim Meyerhoff

Autor: Joachim Meyerhoff (1967) é um escritor alemão. Seu romance de estreia lhe rendeu o Prêmio Literário Franz Tumler, em 2011, e desde então suas produções têm recebido boas críticas. Desde 2005 é membro do Burgtheater, em Viena. Quando finalmente voltará a ser como nunca foi (2016), traduzido por Karina Jannini, faz parte de uma série de cinco livros, intitulada Alle Toten fliegen hoch. 
 
Leitor: Gil Veloso é poeta, escritor, compositor e professor.
Momento Prosa © Goethe-Institut Luiz Felipe Leprevost lê Herta Müller 

Autora: Herta Müller (1953) é uma escritora romena-alemã que escreve seus livros em língua alemã. O uso da língua é considerado um ato de resistência na sua literatura. Em 2009, recebeu o Prêmio Nobel de Literatura. Dos seus livros traduzidos no Brasil, Depressões (2010), que é seu primeiro romance, conta com tradução de Ingrid Anni Assmann. 
 
Leitor: Luiz Felipe Leprevost é diretor da Biblioteca Pública do Paraná. É escritor, dramaturgo, ator e compositor.

Segunda Temporada

A segunda temporada do Minuto Poesia concede um destaque especial à poesia de expressão alemã produzida por mulheres retratando a obra de 25 poetas provenientes de distintas gerações. Embora algumas das poetas retratadas possam prescindir de apresentação, como é o caso de Nelly Sachs, judia alemã e vencedora do Nobel de Literatura em 1966, ou de Ingeborg Bachmann, cuja lírica se tornou popular entre o público leitor feminista, muitas ainda não são familiares no Brasil. Na produção mais antiga, é interessante a lembrança da poesia de Marianne von Willemer. No início do século XX, a opressão do regime marcará a vida e a produção de Hilde Domin e de Nelly Sachs. Outros nomes relevantes do período são o de Ricarda Huch e o de Marie-Luise Kaschnitz. Na segunda metade do século XX, são lembradas Barbara Köhler, Maja Haderlap, entre outras.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Dörthe Uphoff lê Else Lasker-Schüler

Autora: Else Lasker-Schüler (1869-1945) foi uma escritora alemã de origem judaica. Além de poemas em que forma, som e imagem dialogam de maneira inovadora, Schüler também escreveu em prosa, principalmente ensaios.
 
Leitora: Dörthe Uphoff é professora na Universidade de São Paulo e tradutora alemã que vive no Brasil desde 1994. Atua como editora-chefe da revista de estudos germanísticos Pandaemonium Germanicum.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Daniel Martineschen lê Marianne von Willemer
Autora: Marianne von Willemer (17841860) foi uma autora, atriz e dançarina austríaca. Sua visibilidade literária se dá principalmente pela ligação com Goethe. O poema do vento oeste é uma composição sua, primeiramente publicada como sendo de autoria de Goethe, e que só posteriormente foi descoberto ser de von Willemer. 
 
Leitor: Daniel Martineschen é professor e tradutor. Traduziu Divã ocidento-oriental (Estação Liberdade, 2020).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Yasmin Nigri lê Ingeborg Bachmann
Autora: Ingeborg Bachmann (1926-1973) foi uma escritora, dramaturga e poeta austríaca. É considerada uma das grandes vozes poéticas em língua alemã do último século. Bachmann recebeu o prêmio Georg Büchner (1964). Malina (1971) é considerada sua obra prima. Chegou ao Brasil pela Todavia em tradução de Claudia Cavalcanti no livro O tempo adiado e outros poemas (2020).
Leitor: Yasmin Nigri (1990) é poeta, tradutora, crítica de arte e artista visual. Contribui com a revista Caliban e o jornal O Globo e ministra oficinas de criação poética. Publicou, pela editora 34, o livro Bigornas (2018).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Ana Elisa Ribeiro lê Ann Cotten
Autora: Ann Cotten (1982) é uma escritora austríaca de origem estadunidense, mas baseada em Berlim. Seu livro de estreia, Fremdwörterbuchsonette, publicado em Frankfurt pela Suhrkamp em 2007, foi muito bem recebido pela crítica, o que rendeu à escritora grande visibilidade. No Brasil, Cotten foi publicada em Poesia alemã hoje: uma pequena antologia, pela Edições Jabuticaba em parceria com o Goethe Institut de São Paulo, em 2020.
 
Leitora: Ana Elisa Ribeiro é professora, editora e escritora. Atua como curadora e participa de eventos culturais. Publicou diversos livros e o seu trabalho nos meios digitais, e não só, pode ser encontrado no blog anadigital.pro.br
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Natália Agra lê Nelly Sachs
Autora: Nelly Sachs (1891-1970) foi uma escritora alemã de origem judaica. Em 1966, recebeu o Nobel de Literatura junto a Shmuel Yosef Agnon. Sobreviveu ao nazismo, experiência que marca sua experiência com a literatura a ponto de não mais escrever.
Leitora: Natália Agra é poeta e editora. Publicou, entre outros, fotogramas [o silêncio possível] (7Letras, 2019) e Noite de São João (Corsário-Satã, 2020). Edita a revista de poesia Meteöro e é uma das organizadoras da Desvairada - Feira de Poesia de São Paulo.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Bel Santos Mayer lê Marie-Luise Kaschnitz
Autora: Marie Luise Kaschnitz (1901-1974) é considerada uma das mais importantes poetas do pós-guerra alemão. Escreveu principalmente contos baseados em suas viagens com o marido arqueólogo, mas também ensaios e poemas. Estes, se voltam principalmente para a guerra. Recebeu os prêmios Georg Büchner (1955) e Roswitha (1973). O prêmio Marie Luise Kaschnitz é nomeado em homenagem a ela.
Leitora: Bel Santos Mayer (1967) é educadora social e coordenadora do Instituto Brasileiro de Estudos e Apoio Comunitário (IBEAC). Faz parte da rede de bibliotecas comunitárias Literasampa.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Thiago Ponce de Moraes lê Hilde Domin
Autora: Hilde Domin (1909-2006) foi uma escritora e poeta alemã de origem judaica. Após o exílio durante a guerra, Domim retornou para Alemanha e passou a escrever poesia. Recebeu muitos prêmios por seu trabalho, entre eles os prêmios Rilke (1976), Hölderlin (1992) e Wassermann (1999).
Leitor: Thiago Ponce de Moraes (1986) é poeta, tradutor, professor e editor. Autor de, entre outros, Dobres sobre a luz (Lumme Editor, 2016).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Julia Bac lê Rebecca Horn 
Autora: Rebecca Horn (1944) é poeta e artista visual. Suas reflexões artísticas se dão, geralmente, em relação ao corpo e as possibilidades que se expandem a partir dele. Dormir debaixo d’água e ver as coisas que se passam ao longe foi traduzido pela poeta e artista visual brasileira Leila Danziger.
 
Leitora: Julia Bac (1982) é historiadora, artista visual e poeta. Publica seus poemas no blog papelpele.com e em zines independentes. É autora do livro Duas mortes (7Letras, 2021)
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Taís Bravo lê Mariella Mehr 
Autora: Mariella Mehr (1947) é uma escritora suíça de origem nômade, dos yeniche. Publica desde 1975, e seus temas perpassam a experiência de minorias e pessoas marginalizadas. Em 1989, recebeu o doutorado honorário da Universidade de Basel.
Leitora: Taís Bravo é escritora, tradutora, pesquisadora e co-criadora da Mulheres que Escrevem. Autora de Todos os meus (ex) herois são machistas (2016) e Houve um ano chamado 2018 (Edições Macondo, 2019).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Nathan Magalhães lê Monika Rinck  
Autora: Monika Rinck (1969) é uma escritora e tradutora alemã. Se dedica à escrita ensaística, em prosa e em verso. Foi publicada por vários selos alemães e contribui com algumas revistas. Durante quase uma década fez performances artísticas com Ann Cotten e Sabine Scho. Faz parte da Academia Alemã de Poesia e Linguagem e da Academia de Artes de Berlim.
Leitor: Nathan Magalhães é editor e fundador da Editora Moinhos. É, também, o criador do portal literário LiteraturaBr.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Fábio Mariano lê Nora Bossong 
Autora: Nora Bossong (1982) é uma escritora alemã. Em atividade desde 2001, Bossong recebeu, entre outros, os prêmios Wolfgang Weyrauch (2007), o Peter-Huchel-Literaturpreis (2012), o Kranichsteiner Literaturpreis (2019) e, recentemente, o prêmio Thomas Mann (2020).
Leitor: Fábio Mariano é um escritor brasileiro. Publicou O Gelo dos Destróieres (Patuá, 2018), a novela Habsburgo (Patuá, 2020), entre outros.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Letícia Howe lê Ricarda Huch
Autora: Ricarda Huch (1864-1947) foi uma poeta, filósofa e historiadora alemã. Estudou em Zurique pois as universidades alemãs não aceitavam mulheres em 1887. É considerada uma das maiores intelectuais de seu tempo, e o asteroide 879 Ricarda é dedicado a ela. Foi indicada ao prêmio Nobel sete vezes e em 1931 recebeu o Prêmio Goethe.
Leitora: Letícia Howes é jornalista e atua no ramo editorial. É supervisora edtorial na Estação Liberdade.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Maju Alves lê Isabeella Beumer

Autora: Isabeella Beumer (1951) é uma escritora e cantora alemã. Participa principalmente de eventos musicais, como o Nacht der Poesie, em Viena, e o Leverkusener JazzTage. Em 2000, foi a embaixadora musical da Alemanha no festival internacional “2000, the year of new arts”, realizado pelo Goethe-Institut de Seoul.
 
Leitora: Maju Alves é publicitária e trabalha no PublishNews.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Victor Azevedo lê Ulrike Almut Sandig

Autor: Ulrike Almut Sandig (1979) é uma escritora alemã. Publicou três volumes de poesia: Zunder (2005), Streumen (2007) e Dickicht (2011). O seu primeiro livro de contos intitulado Flamingos é de 2010. Sandig recebeu, entre outros, o Prêmio Leonce-und-Lena (2009) e o Prêmio Droste de Talento Emergente (2012).
Leitor: Victor Azevedo é poeta, ilustrador, ficcionista e editor. Atua como editor na Munganga Edições. Publicou, entre outros, Cachorro morto (Munganga Edições, 2019).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Gabriel Morais Medeiros lê Gertrud von Le Fort

Autora: Gertrud von Le Fort (1876-1971) foi uma baronesa alemã que escreveu romances, poemas e ensaios em alemão. Em 1952, Von Le Fort recebeu o Prêmio Gottfried-Keller. Seu trabalho está principalmente ligado à religião e à filosofia. No Brasil, teve sua obra divulgada pela monografia de Mansueto Kohnen (1910-1966).
Leitor: Gabriel Morais Medeiros é poeta, professor de literatura e editor.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Diogo Cardoso lê Sabine Scho

Autora: Sabine Scho (1970) é uma escritora alemã com formação na área de germanística e filosofia. Recebeu o Prêmio Leonce-und-Lena por seu primeiro volume de poemas, Album, em 2001. Vive entre o Brasil e a Alemanha. Seu segundo livro é intitulado Farben (Kookbooks, 2010).
Leitor: Diogo Cardoso (1983) é poeta. Publicou o livro Sem lugar a voz (Dobradura, 2016), está presente nas antologias Subúrbios da caneta (Dobradura, 2014) e Antologia Primata (Primata, 2018), e em revistas como a Zunái e a Mallarmargens.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Jeanne Callegari lê Mascha Kaléko

Autora: Mascha Káleko (1907-1975) foi uma poeta alemã de origem judaica. Sobreviveu à perseguição religiosa que a família sofreu e mudou-se para os Estados Unidos ainda na infância. No final dos anos 1920, em Berlim, Káleko fez parte do movimento de vanguarda Neue Sachlichkeit. O exílio e a vida na cidade são parte de seus núcleos temáticos.
Leitora: Jeanne Callegari (1981) é uma poeta e jornalista brasileira. Escreveu a biografia de Caio Fernando Abreu, Caio Fernando Abreu: Inventário de um Escritor Irremediável (Seoman, 2008). De poesia, é autora de Miolos Frescos (Patuá, 2015) e Amor eterno 2 (Garupa, 2019).
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Diego Grando lê Maja Haderlap

Autora: Maja Haderlap (1961) é uma escritora de origem eslovena, alemã e austríaca. Seu multi-premiado romance, Engel des Vergessens (2011), recebeu o prêmio Ingeborg Bachmann. De poemas, publicou Žalik pesmi (1983), Bajalice (1987) e Poems - Pesmi (1989).
Leitor: Diego Grando é professor de literatura na PUC-RS e poeta. Lançou, entre outros, Spoilers (Prêmio Açorianos de Literatura - Poesia, 2019). Desde 2013 integra o elenco do Sarau Elétrico, em Porto Alegre.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Marcio Campos lê Sylvia Amstadt

Autora: Sylvia Amstadt (1984) é uma escritora underground alemã, ativa na literatura desde 1997. Publicou principalmente em jornais e revistas da Alemanha, e lança seu primeiro livro em 2009, Capital Wor(l)ds - Gesellschaft mit beschränkter Hoffnung.
Leitor: Marcio Fernando Campos (1983) é poeta, músico e livrero. É também autor dos livretos Ato Falho I & II (poemas), Cada um tem a Amy Winehouse que merece (conto), Entre lobos (poemas), entre outros, lançados pelo selo Noir Désir Éditions.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Péricles Bostelmann lê Monika Rinck

Autora: Monika Rinck (1969) é uma escritora e tradutora alemã. Se dedica à escrita ensaística, em prosa e em verso. Foi publicada por vários selos alemães e contribui com diferentes revistas. Durante quase uma década fez performances artísticas com Ann Cotten e Sabine Scho. Faz parte da Academia Alemã de Poesia e Linguagem e da Academia de Artes de Berlim.
Leitor: Péricles Bostelmann é assistente de marketing no Goethe-Institut Curitiba.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Lara Kadocsa lê Barbara Köhler

Autora: Barbara Köhler (1959) é uma escritora e tradutora alemã. Dentre seus livros, estão, o de estreia, Deutsches Roulette. Gedichte 1984-1989 (1991), e No one’s box (2007). Traduziu Gertrude Stein e Samuel Beckett para o alemão.
Leitora: Lara Kadocsa é cantora, compositora, atriz e poeta. Atua em outros projetos culturais e de educação. Publicou um álbum autoral e livro de poesia, ambos intitulados ar, em 2021. 
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Sérgio Karam lê Ingeborg Bachmann

Autora: Ingeborg Bachmann (1926-1973) foi uma escritora, dramaturga e poeta austríaca. É considerada uma das grandes vozes poéticas em língua alemã do último século. Bachmann recebeu o prêmio Georg Büchner (1964). Malina (1971) é considerada sua obra prima. Chegou ao Brasil pela Todavia em tradução de Claudia Cavalcanti, O tempo adiado e outros poemas (2020).
 
Leitor: Sérgio Karam é tradutor e doutor em estudos de literatura pela UFRGS.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Monahyr Campos lê Ilse Aichinger

Autora: Ilse Aichinger (1921-2016) foi uma escritora austríaca que participou da literatura alemã do pós-guerra, principalmente do Grupo 47. Seu romance de estreia, Die größere Hoffnung (1948), evoca as perseguições raciais que a autora mesma sofreu durante a ocupação alemã e a morte de diversos parentes em campos de concentração.
 
Leitor: Monahyr Campos é escritor, compositor, professor universitário e produz podcasts literários. É autor de Colo (2018), publicado pela Patuá.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Talita Facchini lê Ulla Hahn

Autora: Ulla Hahn (1946) é uma escritora alemã que escreve em prosa e em verso.  Formada em literatura pela universidade de Colônia, Hahn trabalhou como jornalista em diferentes periódicos alemães. Publicou, entre outros, Das verborgene Wort (2001) e Spiel der Zeit: Roman (2014). 
 
Leitora: Talita Facchini (1993) é jornalista e trabalha no PublishNews.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Alexandre Ribeiro lê Evelyn Schlag

Autora: Evelyn Schlag (1952) é uma escritora e tradutora austríaca. Após anos estudando e morando em Viena, retornou para morar em sua vila natal nos Alpes austríacos. É autora de ficção e de poesia. Traduziu para o alemão poemas de Douglas Dunn. Dentre seus livros publicados, destaca-se Die Kränkung (1987).
Leitor: Alexandre Ribeiro (1999) é escritor e bolsista em Berlim. Autor de Reservado (2019). 
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Caio Nunes lê Silke Scheuermann

Autora: Silke Scheuermann (1973) é poeta e romancista de origem alemã. Seu romance de estreia Die Stunde zwischen Hund und Wolf é seu trabalho mais conhecido, traduzido para mais de dez línguas. Recebeu diversos prêmios, dentre eles o Leonce-und-Lena-Preis (2001) e o Georg-Christoph-Lichtenberg-Preis (2017).
 
Leitor: Caio Nunes é produtor cultural na Casa das Rosas — Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Leticia Liesenfeld lê Christine Lavant

Autora: Christine Lavant (1915-1973) foi uma romancista, poeta e pintora alemã. Recebeu, entre outros, os prêmios Anton Wildgans (1964) e Grand Austrian State Prize. Sua poesia dialoga com a de Rilke pelo aspecto místico da experiência religiosa. Parte de sua obra explora o trauma da saúde frágil da autora, assim como os anos que passou internada em um hospital psiquiátrico.
 
Leitora: Letícia Liesenfeld é atriz e contadora de histórias.
Minuto Poesia - Segunda temporada © Goethe-Institut Michelle Barreto lê May Ayim

Autora: May Aim (1960-1996) além de escritora e poeta, foi uma educadora e ativista negra alemã. Dedicou seus estudos à história social e cultural de pessoas afro-alemãs, do qual foi pioneira. Foi, também, co-fundadora da Initiative Schwarze Deutsche, no final da década de 1980. A dissertação de mestrado de Jess Oliveira se dedica ao estudo de sua poética e é a principal referência de tradução de sua poética no Brasil.
 
Leitora: Michelle Barreto é atriz, locutora, pesquisadora, diretora e musicista.

Primeira Temporada

A primeira temporada apresenta poemas de diferentes períodos e dicções. Não poderia faltar Bertolt Brecht, uma das principais referências da poesia de expressão alemã no Brasil; nem tampouco Rainer Maria Rilke, presente com uma leitura de poema das Elegias de Duíno. Um lado menos conhecido do filósofo Friedrich Nietzsche, o poético, também foi lembrado. Há episódios com poetas que estabeleceram vanguardas fundamentais, como a expressionista Else Lasker-Schüler e o multiartista Kurt Schwitters. Do século XX, destacam-se Heiner Müller, dramaturgo fundamental da Alemanha Oriental; May Ayim, uma das vozes negras mais famosas da literatura em alemão; entre outros grandes nomes. 
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut André Vallias lê Bertolt Brecht

Autor: Bertolt Brecht (1898-1956) foi um dos mais importantes intelectuais alemães do século XX. Dramaturgo, poeta e ensaísta, Brecht foi um importante inovador do teatro moderno e escreveu peças como A Ópera dos Três Vinténs, Mãe Coragem e o Círculo de Giz Caucasiano. Durante a Segunda Guerra Mundial, Brecht se exilou primeiro na Dinamarca e depois nos Estados Unidos, onde foi perseguido durante o Macarthismo por suas posições socialistas. O poeta então retornou para a Alemanha Oriental onde fundou e dirigiu a companhia de teatro Berliner Ensemble.
Leitor: André Vallias (1963) é poeta, designer gráfico e produtor de mídia interativa. Traduziu, entre outros, Heine, hein? – poeta dos contrários (Perspectiva, 2011) e Bertolt Brecht – Poesia (Perspectiva 2019).
 
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Gisele Eberspächer lê Rose Ausländer 

Autora: Rose Ausländer (1901-988) foi uma escritora judia de origem bucovina com produção em língua alemã e inglesa. Ausländer sobreviveu ao nazismo e viveu um período de exílio nos Estados Unidos, o que se reflete em sua poesia. Publicou Deiner Stimme Schatten, pela Fischer Verlag. No Brasil, a poeta é apresentada por Simone Brantes, na obra Ciranda da poesia (UFPR, 2019), e em diversas revistas digitais, como a Escamandro.
Leitora: Gisele Eberspächer é jornalista, tradutora, professora de idiomas e mestra em estudos literários. Desde 2012, resenha livros em seu canal no YouTube, Vamos falar sobre livros?, em mídias digitais e em revistas.
 
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Leonardo Marona lê Dragica Rajčić Holzner

Autora: Dragica Rajčić Holzner (1959) é uma escritora de origem iugoslava, onde hoje é a Croácia, e que escreve em alemão. Vive na Suíça desde a guerra civil iugoslava, como muitos conterrâneos seus e a experiência da imigração permeia a sua escrita. No Brasil, foi traduzida pela poeta Adelaide Ivánova.
Leitor: Leonardo Marona (1982) é escritor de prosa e poesia e é livreiro da Livraria Travessa. Publicou, entre outros, a coletânea de poemas Pequenas biografias não-autorizadas (7Letras, 2009) e o romance Cossacos Gentis (Oito e meio, 2015).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Daniel Francoy lê Jan Wagner

Autor: Jan Wagner (1971) é um escritor, tradutor e crítico literário alemão. Venceu, entre outros, os prêmios Georg Büchner (2017) e o prêmio da Feira Literária de Leipzig (2015). No Brasil, possui uma coletânea de poemas traduzidos por Douglas Pompeu e publicados pela Editora Jabuticaba, Variações sobre tonéis de Chuva (2019).
Leitor: Daniel Francoy (1979) é poeta e prosador, publicou em portugal Em Cidade Estranha (Editora Artefacto, 2010) e Calendário (Editora Artefacto, 2015), e no Brasil, entre outros, A invenção dos subúrbios (Jabuticaba, 2028) e O velho que não sente frio e outras histórias (Jabuticaba, 2020). Daniel colaborou com diversas revistas na última década, como a mallarmargens e a Parênteses.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Estela Rosa lê Liselotte Rauner

Autora: Liselotte Rauner (1920-2005) foi uma escritora de língua alemã. O fio condutor de sua poética é a vida operária e suas nuances políticas. Rauner fundou, em 1970, o coletivo Literatur der Arbeitswelt. As principais inspirações da poeta foram Bertold Brecht e Heinrich Böll. Seus poemas, ainda muito relevantes e atuais, foram traduzidos por Valeska Brinkmann na revista Ser Mulher Arte.
Leitora: Estela Rosa (1986) é poeta, caipira, tradutora e curadora da Mulheres Que Escrevem. Autora de Um rojão atado à memória (7Letras) e Cine Studio 33 (Macondo). Contribuiu com diversas revistas.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Camila Assad lê Ann Cotten

Autora: Ann Cotten (1982) é uma escritora austríaca de origem estadunidense, mas baseada em Berlim. Seu livro de estreia, Fremdwörterbuchsonette, publicado em Frankfurt pela Suhrkamp em 2007, foi muito bem recebido pela crítica, o que rendeu à escritora grande visibilidade. No Brasil, Cotten foi publicada em Poesia alemã hoje: uma pequena antologia, pela Edições Jabuticaba, em parceria com o Goethe Institut de São Paulo, em 2020.
Leitora: Camila Assad (1988) é arquiteta, poeta e tradutora. Seu livro de estreia é Cumulonimbus (Quintal Edições, 2016). Publicou também, unindo suas áreas de interesse, o livro Desterros (Edições Macondo, 2019).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Monica Carvalho lê Bertolt Brecht

Autor: Bertolt Brecht (1898-1956) foi um dos mais importantes intelectuais alemães do século XX. Dramaturgo, poeta e ensaísta, Brecht foi um importante inovador do teatro moderno e escreveu peças como A Ópera dos Três Vinténs, Mãe Coragem e o Círculo de Giz Caucasiano. Durante a Segunda Guerra Mundial, Brecht se exilou primeiro na Dinamarca e depois nos Estados Unidos, onde foi perseguido durante o Macarthismo por suas posições socialistas. O poeta então retornou para a Alemanha Oriental onde fundou e dirigiu a companhia de teatro Berliner Ensemble.
Leitora: Monica Carvalho é livreira na Livraria da Tarde, em São Paulo, espaço criado no início de 2020.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Bruno Mancuso lê Kurt Schwitters

Autor: Kurt Schwitters (1887-1948) foi um artista plástico, escultor, pintor e poeta alemão. Precursor da Nova Tipografia, Schwitters criou a arte de instalações e foi influente na escola de arte e design Bauhaus. Seus interesses artísticos se fazem ver também em sua escrita e na abstração da Poesia Merz. No Brasil, sua pluralidade artística pode ser conferida em Por trás e pela frente primeiro (Edições Jabuticaba, 2018), que foi traduzida por Douglas Pompeu.
Leitor: Bruno Mancuso (1981) é Conselheiro Municipal de Cultura de Curitiba, palhaço, ator e produtor audiovisual baseado na capital paranaense.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Fernanda Bastos lê May Ayim

Autora: May Aim (1960-1996) além de escritora e poeta, foi uma educadora e ativista negra alemã. Dedicou seus estudos à história social e cultural de pessoas afro-alemãs, do qual foi pioneira. Foi co-fundadora da Initiative Schwarze Deutsche, no final da década de 1980. A dissertação de mestrado de Jess Oliveira se dedica ao estudo de sua poética e é a principal referência de tradução de sua poética no Brasil.
Leitora: Fernanda Bastos (1988) é escritora, jornalista, tradutora e editora de livros. É autora de Dessa cor (2018) e Eu vou piorar (2020), ambas pela Figura de Linguagem, editora que também dirige.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Almerinda Stenzel lê Jan Wagner

Autor: Jan Wagner (1971) é um escritor, tradutor e crítico literário alemão que estuda principalmente literatura de língua inglesa. Venceu, entre outros, os prêmios Georg Büchner (2017) e o prêmio da Feira Literária de Leipzig (2015). No Brasil, possui uma coletânea de poemas traduzidos por Douglas Pompeu e publicados pela Editora Jabuticaba, Variações sobre tonéis de Chuva (2019).
Leitora: Almerinda Stenzel, formada em letras e biblioteconomia, é bibliotecária e diretora da Biblioteca do Goethe-Institut do Rio de Janeiro.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Cesare Rodrigues lê Heiner Müller

Autor: Heiner Müller (1929-1995) é um dos maiores nomes da dramaturgia alemã. Escritor e poeta, atuou no Partido Socialista Unificado da Alemanha e na Associação de Escritores Alemães. Entre os prêmios recebidos, destaca-se o Georg Büchner, em 1985. Há várias traduções suas no Brasil, mas seus poemas estão reunidos na Obras completas.
Leitor: Cesare Rodrigues (1984) é poeta, editor e livreiro, autor de caso fossem ursos (Empório do Osório, 2016) e do blog Comédia Fajuta.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Danielle Chagas lê Mascha Kaléko

Autora: Mascha Káleko (1907-1975) foi uma poeta alemã de origem judaica. Sobreviveu à perseguição religiosa que a família sofreu e mudou-se para os Estados Unidos ainda na infância. No final dos anos 1920, em Berlim, Káleko fez parte do movimento de vanguarda Neue Sachlichkeit. O exílio e a vida na cidade são parte de seus núcleos temáticos.
Leitora: Danielle Chagas é professora, tradutora e pesquisadora que vive na Estugarda.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Marcelo Backes lê Friedrich Nietzsche

Autor: Friedrich Nietzsche (1844-1900), um dos filósofos mais importantes do último século, foi também crítico cultural, compositor e poeta. A relação entre filosofia e poesia na sua obra não é casual, e uma permeia a outra em seus escritos. A gaia ciência (Companhia das Letras, 2012), com tradução de Paulo César de Souza, é uma de suas obras mais importantes e que reúne seus principais escritos, inclusive seus poemas.
Leitor: Marcelo Backes (1973) é professor, escritor, tradutor e crítico literário. É autor de A arte do combate (Boitempo, 2003), maisquememória (Record, 2007), entre outros.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Bethe Ferreira lê Uljana Wolf

Autora: Uljana Wolf (1979) é escritora, poeta e professora baseada entre Berlim e Nova Iorque. Recebeu os prêmios Peter-Huchel-Preis (2006) e Adelbert von Chamisso (2016). O multilinguismo é parte central de sua escrita. Nosso amor de trincheira nosso trânsito de fronteira (Ed. Moinhos, 2019), coletânea de poemas, foi traduzida por Guilherme Gontijo Flores e Ricardo Pozzo.
Leitora: Bethe Ferreira é bibliotecária e desde 2003 trabalha no Goethe-Institut de São Paulo, onde coordena o Programa de Fomento à Tradução.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Ronald Augusto lê Hans Magnus Enzensberger

Autor: Hans Magnus Enzensberger (1929) é poeta, ensaísta e tradutor. Considerado o maior poeta vivo de língua alemã. Viveu a Segunda Guerra e o tom político permeia toda a sua produção poética. Recebeu o Prêmio Georg Büchner em 1963. No Brasil, tem-se algumas traduções de sua obra. Eu falo dos que não falam, traduzido por Armindo Trevisan e Kurt Scharf (Brasiliense e Instituto Goethe, 1985), é uma antologia ampla de seu trabalho, além de ser bilíngue.
Leitor: Ronald Augusto (1961) é poeta, crítico de poesia, editor, músico e letrista. Se dedica especialmente à literatura negra. Publicou, entre outros, Cair de Costas (Editora Éblis, 2012).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Claudia Alves lê Odile Kennel

Autora: Odile Kennel (1967) é escritora, poeta e tradutora. Recebeu o Würth-Literaturpreis (1996) e o Alfred-Döblin-Stipendium (2011) por seu trabalho. Traduziu do português autores como Ricardo Domeneck, Érica Zíngano e Angélica Freitas. Traduz também do francês.
Leitora: Cláudia Alves é doutora em teoria e história literária pela Unicamp. Atua como professora, tradutora e pesquisadora de literatura. Colabora com revistas e com a Edições Jabuticaba, pela qual publicou a tradução de Patrizia Cavalli, Meus poemas não mudarão o mundo (Jabuticaba, 2021).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Marcelo Lotufo lê Ingeborg Bachmann

Autora: Ingeborg Bachmann (1926-1973) foi uma escritora, dramaturga e poeta austríaca. É considerada uma das grandes vozes poéticas em língua alemã do último século. Bachmann recebeu o prêmio Georg Büchner (1964). Malina (1971) é considerada sua obra prima. Chegou ao Brasil pela Todavia em tradução de Claudia Cavalcanti, no livro O tempo adiado e outros poemas (2020).
Leitor: Marcelo Lotufo é escritor, tradutor, curador, professor e editor. Contribuiu com diversas revistas e suplementos culturais, como o Suplemento Pernambuco, o Jornal Rascunho e a Revista Pessoa. Publicou o livro de contos Cada um a seu modo (Edições Jabuticaba, 2020), finalista do Jabuti 2021.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Elaine Truiz lê Peter Handke

Autor: Peter Handke (1942) é austríaco. O dramaturgo, romancista, poeta, ensaísta e realizador cinematográfico recebeu o Nobel de Literatura em 2019 e o Georg Büchner em 1973. Sua escrita é marcada por certo desassossego quanto aos mais importantes eventos europeus do século passado. Sua obra está bastante difundida no Brasil, e Handke conta com diversas traduções.
Leitora: Elaine Truiz é professora no Goethe-Institut de São Paulo. Se dedica a cinema, literatura e tradução.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Tarso de Melo lê Andreas Gryphius

Autor: Andreas Gryphius (1616-1664) foi um poeta e dramaturgo alemão. Considerado um dos mais importantes poetas do período barroco, seus sonetos são marcados por linguagem violenta e seus temas tangem a solidão e as inquietações humanas. Suas composições mais conhecidas são É tudo em vão e Lágrimas da pátria.
Leitor: Tarso de Melo (1976) é poeta, ensaísta e professor. Autor de Íntimo desabrigo (Alpharrabio, Dobradura, 2017), Rastros (martelo casa editorial, 2019), entre outros; também organizou obras coletivas e é curador de atividades literárias em São Paulo.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Sofia Mariutti lê Else Lasker-Schüler

Autora: Else Lasker-Schüler (1869-1945) foi uma escritora alemã de origem judaica. Além de poemas em que forma, som e imagem dialogam de maneira inovadora, Schüler também escreveu em prosa, principalmente ensaios. Meu piano azul é tradução de Sofia Mariutti.
Leitora: Sofia Mariutti (1987) é poeta, editora e tradutora. Traduziu obras alemãs para o selo Companhia das Letrinhas e para a Todavia. Publicou a coletânea A orca no avião (Patuá, 2017).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Julia Bussius lê Bertolt Brecht

Autor: Bertolt Brecht (1898-1956) foi um dos mais importantes intelectuais alemães do século XX. Dramaturgo, poeta e ensaísta, Brecht foi um importante inovador do teatro moderno e escreveu peças como A Ópera dos Três Vinténs, Mãe Coragem e o Círculo de Giz Caucasiano. Durante a Segunda Guerra Mundial, Brecht se exilou primeiro na Dinamarca e depois nos Estados Unidos, onde foi perseguido durante o Macarthismo por suas posições socialistas. O poeta então retornou para a Alemanha Oriental onde fundou e dirigiu a companhia de teatro Berliner Ensemble.
Leitora: Julia Bussius é editora e tradutora. Atua nas áreas de ficção e não ficção, com literatura nacional e estrangeira. Sua dissertação se volta para a obra de W. G. Sebald e suas relações com a História.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Guto Leite lê Rainer Maria Rilke

Autor: Rainer Maria Rilke (1875-1916) foi um dos principais autores tchecos de língua alemã. Também escreveu poemas em francês. Solidão e religiosidade se imbricam em sua poética, que se expande em suas cartas, poemas e elegias. No Brasil, foi traduzido por poetas como Cecília Meireles e, mais recentemente, Dora Ferreira da Silva.
Leitor: Guto Leite é professor na UFRGS, poeta, roteirista, compositor, contista e intérprete musical. Publicou o livro Zero um (7Letras, 2010) e Devoção (Zouk, 2021).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Viviane Nogueira lê May Ayim

Autora: May Aim (1960-1996) além de escritora e poeta, foi uma educadora e ativista alemã. Dedicou seus estudos à história social e cultural de pessoas afro-alemãs, do qual foi pioneira. Ainda, foi co-fundadora da Initiative Schwarze Deutsche, no final da década de 1980. A dissertação de mestrado de Jess Oliveira se dedica ao estudo de sua poética.
Leitora: Viviane Nogueira (1995) é poeta e mediadora do clube de leitura Leia Mulheres da cidade de Osasco (SP). Além de publicações independentes, é autora de Uma casa se amarra pelo teto (Macondo, 2019).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Matheus Guménin Barreto lê Nelly Sachs

Autora: Nelly Sachs (1891-1970) foi uma escritora alemã de origem judaica. Em 1966, recebeu o Nobel de Literatura junto a Shmuel Yosef Agnon. Sobreviveu ao nazismo, experiência que marca sua experiência com a literatura a ponto de não mais escrever. Coro dos salvos é tradução de Matheus Guménin Barreto.
Leitor: Matheus Guménin Barreto atua na área de tradução. Publicou traduções de Ingeborg Bachmann em Lira argenta (2017) e Dito ao anoitecer (2017), e de Bertolt Brecht em Cântico de Orge (2017). Publicou A máquina de carregar nadas (7Letras, 2017).
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Aldo Medeiros lê Else Lasker-Schüler

Autora: Else Lasker-Schüler (1869-1945) foi uma escritora alemã de origem judaica. Além de poemas em que forma, som e imagem dialogam de maneira inovadora, Schüler também escreveu em prosa, principalmente ensaios. Eu te amo é tradução de Aldo Medeiros.
Leitor: Aldo Medeiros é compositor, cantor e violinista.
Minuto Poesia - Primeira temporada © Goethe-Institut Douglas Pompeu lê Raphael Urweider

Autor: Raphael Urweider (1974) é um poeta e tradutor suíço. Produz em língua inglesa e alemã. Agraciado com o prêmio Leonce-und-Lena-Preis (1999), o Förderpreis des Bremer Literaturpreises (2001) e o Schillerpreis (20099) pelo poema Alle deine Namen.
Leitor: Douglas Pompeu é tradutor e escritor. Traduziu poemas de Kurt Schwitters, em Pra trás e pela frente primeiro (2018), de Jan Wagner, em Variações sobre tonéis de chuva (2019), e Passeios com Robert Walser (2020) de Carl Seelig. É editor da revista alba, em Berlim.
Top