Bolsa
CONVOCATÓRIA DE ARTES VISUAIS

Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França 2021

Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França 2021

O Goethe-Institut e o Serviço Cultural do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro lançam a convocatória para a Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França 2021. O edital é voltado para curadores, curadoras e coletivos de curadores de artes visuais com até 10 anos de trajetória profissional, baseados em qualquer região do Brasil. As inscrições estão abertas até 06 de agosto.

A premiação consiste no comissionamento de um processo de pesquisa e a subsequente realização de um projeto que envolva colaborações no Brasil, França e Alemanha. O objetivo principal dessa bolsa é fomentar a troca cultural entre agentes e instituições de arte nos referidos países e contribuir para a formação de curadores que estejam nos primeiros 10 anos de suas trajetórias profissionais.

Ainda que não haja um tema obrigatório para os materiais inscritos, esta terceira edição da Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França é nomeada por uma expressão que manifesta os valores fundamentais dessa iniciativa: Redes e alianças para o mundo por vir. Com o título parcialmente inspirado pelo livro “Há mundo por vir? Ensaio sobre os medos e os fins” de Eduardo Viveiros de Castro e Déborah Danowski (2019), a premiação visa inspirar projetos que, a partir do estabelecimento de redes, alianças, cooperações, reflitam sobre como a coletividade é capaz de produzir melhores condições para a vida. Serão bem-vindos os projetos que expandam as noções de prática curatorial e institucional a partir da construção de sistemas da valorização de formas alternativas de saber e troca, da construção de sistemas de comunhão e colaboração, da investigação de outras formas de globalização, e da elaboração de modelos de atividade que intencionem frear a máquina de reprodução da colonialidade.

Sendo o objetivo principal da premiação catalisar parcerias entre agentes da cultura no Brasil, França e Alemanha, é esperado que as propostas inscritas considerem a importância da colaboração transcultural para encontrar soluções para os desafios do nosso tempo. Todos os projetos precisam necessariamente incluir colaborações no Brasil, na França, e na Alemanha, mas não exclusivamente, podendo incluir eventualmente parcerias em outras regiões conforme necessidade. Diferentemente dos anos anteriores, por conta das restrições impostas pela pandemia da Covid-19, nesta edição a fase de pesquisa deverá ser realizada integralmente online, sem a realização de viagens internacionais.

Para concorrer ao prêmio, cada candidatura deve apresentar um dossiê em PDF composto por: carta de intenção (1 página), resumo curricular (1 página), projeto de pesquisa curatorial (até 3 páginas) e proposta de atividade final a ser realizada no Rio de Janeiro como consequência dessa pesquisa (até 2 páginas). É aconselhado que as propostas pensem e expressem de que maneira as oportunidades oferecidas por esta bolsa se relacionam com as singularidades de suas práticas curatoriais. É importante que as candidaturas indiquem um roteiro a ser seguido para sua pesquisa, detalhando as instituições e agentes do sistema da arte em França e Alemanha com quem planejam trabalhar. As candidaturas devem indicar instituições, associações ou espaços independentes da cidade do Rio de Janeiro com os quais gostariam de desenvolver parcerias para a realização do projeto final. Não são exigidas cartas de anuência das instituições no ato da inscrição. Profissionais ligados ao Goethe-Institut e ao Serviço Cultural do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro poderão auxiliar com contatos e indicações para as parcerias propostas pela candidatura selecionada, tanto na fase de pesquisa quanto na fase de produção. Os processos de pesquisa e de desenvolvimento do projeto final terão acompanhamento do curador Bernardo Mosqueira, consultor desta edição da Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França 2021.

A Bolsa de Pesquisa Curatorial Brasil-Alemanha-França 2021 oferece uma premiação no valor de R$ 30.000,00 para a realização da fase de pesquisa. O período da pesquisa deverá ser finalizado até o dia 30 de novembro de 2021. Quem for selecionada/o/e/s será responsável também por administrar o uso da bolsa de acordo com as necessidades de seu projeto. Além da Bolsa de Pesquisa, o prêmio também contemplará um orçamento de R$ 30.000,00 para a realização da atividade final em 2022, que pode ter qualquer modelo de ação, como exposições, seminários, publicações, sites, grupos de estudo, e outros formatos híbridos de troca de conhecimento. Cabe a quem for selecionada/o/e/s pensar os métodos e maneiras mais coerentes às suas pesquisas e aos seus interesses. O projeto deve incluir a realização de uma fala pública online sobre o trabalho após a abertura ou lançamento do projeto. As instituições organizadoras auxiliarão na divulgação e na execução dessa atividade final, que deverá ser discutida em etapa posterior de aprovação do projeto.

A pesquisa deve ser realizada entre 01 de setembro de 2021 e 30 de novembro de 2021. Ao fim deste período, será exigida a apresentação de um Relatório de Atividades (até 5 páginas), cuja função é o reporte das ações desenvolvidas durante os meses de investigação. O projeto final deve ser realizado na cidade do Rio de Janeiro no ano de 2022, em data a ser acordada entre as partes envolvidas.

Cronograma da convocatória:

Período de inscrições: de 14 de junho a 06 de agosto de 2021

Divulgação do resultado: 23 de agosto de 2021


Inscrições:

O dossiê de candidatura deve ser apresentado em arquivo único em PDF, contendo:
 

  • Carta de Intenção (apresentação da proposta curatorial e das motivações para a realização da pesquisa – 1 página);
     
  • Resumo Curricular (descrição da experiência profissional – 1 página);
     
  • Projeto de pesquisa curatorial (incluindo apresentação, justificativa, metodologia e cronograma, detalhando as etapas e dinâmicas do processo de pesquisa – até 3 páginas);
     
  • Proposta de atividade final (descrição preliminar do evento público a ser realizado após a fase de pesquisa – até 2 páginas).

Requisitos das inscrições:

O projeto de pesquisa curatorial deve ser autoral, inédito e exequível;
Quem se candidata deve morar no Brasil e ter maioridade civil, com idade mínima de 18 anos completos;
É desejável que quem se candidata tenha conhecimento suficiente dos idiomas alemão e/ou francês; ou, como opção, da língua inglesa;
Quem se candidata deve ter experiência em pesquisa curatorial comprovada.


Critérios de avaliação:
  • Clareza na apresentação do projeto;
     
  • Pertinência, consistência e relevância do projeto de pesquisa curatorial;
     
  • Inovação como prática curatorial;
     
  • Coerência entre o projeto de pesquisa, a proposta de projeto final, o tema descrito neste edital, e a prática curatorial de quem se candidata;
     
  • Viabilidade da realização da pesquisa e da atividade final proposta por quem se candidata.

Condições:
 
  • Duas convenções serão assinadas entre proponente e Goethe-Institut e entre o proponente e o Serviço Cultural do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro (os termos da segunda fase, após a entrega do relatório final, serão definidos em convenção posterior);
     
  • O não cumprimento da totalidade do projeto de pesquisa curatorial proposto implicará penalidade correspondente ao reembolso integral do aporte financeiro.

Mecanismo de Inscrição | Cada proponente deve submeter seu dossiê de candidatura via endereço eletrônico convocatoriafrancoalema@gmail.com, entre as datas de 14 de junho a 06 de agosto de 2021 (até 23h59, horário de Brasília), por meio do envio de um único arquivo digital, em formato PDF, composto pelos documentos: Carta de Intenção, Resumo Curricular, Apresentação do Projeto de Pesquisa Curatorial e Proposta de Atividade Final). O título do arquivo PDF deve ser a partir do modelo NOME_SOBRENOME_BPCBAF_DATA DE ENVIO (por exemplo: Bernardo_Mosqueira_BPCBAF_29 junho 2021).


Comissão de Seleção | O comitê responsável pela decisão do aporte será integrado por 1 representante do Goethe-Institut e 1 representante do Serviço Cultural do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro, o curador consultor Bernardo Mosqueira e duas curadoras convidadas, Diane Lima e Lisette Lagnado.

Detalhes

convocatoriafrancoalema@gmail.com