GOETHE-INSTITUT PORTO ALEGRE E SESC/RS LANÇAM EDITAL TRANSIT 2021

Transit 2021 Goethe-Institut

Mo, 05.07.2021 -
Sa, 31.07.2021

Inscrições vão de 29 a 31 de julho. Serão selecionadas duas propostas de encenação para o texto “Bookpink”, de Caren Jeß.

ATUALIZAÇÃO : Propostas selecionadas 

Ao final das rodadas de avalição da comissão de júri, composta por Alexandre Dill, Giordano Castro e Michele Rolim, os jurados selecionaram duas propostas de montagens teatrais virtuais.
As proponentes são: Liliane Pereira e Hayline da Rosa Vitória.

Suas montagens terão estreia no Festival Palco Giratório, em outubro de 2021.

Agradecemos à comunidade artística de Porto Alegre pela acolhida ao projeto, e em especial a todes que se dispuseram a compartilhar conosco suas ideias.

 

edital transit 2021

O Goethe-Institut Porto Alegre/Instituto Cultural Brasileiro-Alemão do RS, no âmbito do Projeto TRANSIT, torna público e comunica que estará recebendo, no período de 29 a 31 de Julho de 2021, propostas de Diretores(as)/Encenadores(as) para a encenação virtual para o texto teatral “Bookpink”, da autora alemã Caren Jeß.
Neste mês de julho o Goethe-Institut Porto Alegre, em parceria com o Festival Palco Giratório do SESC/RS, retoma o projeto TRANSIT pela quinta vez. No ano de 2021, o edital, intitulado “TRANSIT – Experimentos cênicos virtuais”, abre seleção para duas encenações virtuais do texto teatral “Bookpink”, de Caren Jeß.
 
Em suas quatro primeiras edições, em 2017, 2018, 2019 e 2020 o Goethe-Institut Porto Alegre e o Palco Giratório apresentaram as encenações, respectivamente, dos textos As Trevas Risíveis (“Die Lächerliche Finsternis”), do alemão Wolfram Lotz; Tremor (“Beben”), de Maria Milisavljevic, tocar paraíso (“paradies spielen”) de Thomas Köck e “Wonderland Ave.” de Sibylle Berg.
 
Em 2021, pela primeira vez, a seleção contemplará exclusivamente propostaspara a montagem virtual do texto “Bookpink”, abrindo as portas para os diversos formatos criativos que surgiram nos últimos meses. Assim, artistas podem explorar essa diversidade de formatos e novos desafios do teatro em tempos pandêmicos. As montagens virtuais selecionadas terão estreia no 15° Festival Palco Giratório do SESC/RS, em outubro 2021.

O portal AGORA Crítica Teatral acompanhará as estreias e cada uma das encenações será contemplada com um texto realizado colaborativamente entre Michele Rolim (crítica e editora AGORA Crítica Teatral) e Leandro Silva (colaborador do AGORA Crítica Teatral).   

O edital está disponível aqui:
 
Para obter uma cópia do texto para leitura, deverá ser enviado um e-mail ao endereço programm-portoalegre@goethe.de indicando o sobrenome, nome, função/ocupação, instituição (se aplicável), endereço de e-mail e detalhes de contato. No título do email deve constar como assunto:  “TEXTO TRANSIT 2021".

As inscrições estarão abertas de 29 a 31 de julho, pelo e-mail: goethepoaconcursos@gmail.com. A seleção ocorrerá no dia 9 de agosto, com divulgação dos resultados dia 10 de agosto através dos canais Instagram e Facebook do Goethe-Institut Porto Alegre.

A Comissão de Seleção do TRANSIT 2021 é formada por:
  • Michele Rolim (jornalista, pesquisadora, crítica teatral e editora do site AGORA Crítica Teatral)
  • Alexandre Dill (ator, diretor e integrante do Grupojogo)
  • Giordano Castro (ator, dramaturgo, produtor e integrante do Grupo Magiluth) 


Mais informações através do e-mail:
programm-portoalegre@goethe.de
 

SOBRE O TEXTO

A peça "Bookpink" (em dialeto plattdeutsch “Buchfink” -  “Pássaro Tentilhão”), de Caren Jeß, expõe abismos humanos, estruturas sociais e debates atuais em estilo de fábula através de um complexo conjunto de personagens animais. O pavão encardido pode ser considerado prejudicado desde quando sua mãe se desfez de seu ovo na floresta. Ainda assim, ele nasce e torna-se um criminoso. Totalmente imundo, ninguém vê sua beleza. O pardal, o imbecil, o ridiculariza. O abutre, por outro lado, adorado como deus pelos passarinhos, mantém-se em um silêncio sinistro e está principalmente atrás de grana. Os flamingos, que a mãe corvo comprou como brinquedos para a criança corvo, estão cansados de andar em círculos. Veroniko, o chapim do brejo, não quer ser reduzida à sua beleza. O galo e a galinha caem na armadilha de um peru esotérico, e o pombo no lixo sonha com a opulência barroca. Com esses personagens, Jeß cria um cenário de tensão que espelha conflitos e dilemas da sociedade em uma atmosfera de fábula protagonizada pelos animais.  
 

SOBRE A AUTORA

Caren Jeß, nascida em 1985 na Alemanha, estudou filologia alemã e literatura alemã moderna em Freiburg i.Br e Berlim. Ela estreou como dramaturga em 2017, quando sua peça “Deine Mutter oder Der Schrei der Möwe” (Sua Mãe ou o Grito da Gaivota) ganhou o terceiro lugar no Prêmio Osnabrück de dramaturgia. Em 2018 ela ganhou com a peça “Bookpink” a residência da “Münchner Förderpreis für deutschsprachige Dramatik” (Prêmio de incentivo para dramaturgia alemã de Munique). Com a estréia da produção de Bookpink em Graz, Austria, ela foi indicada para o Prêmio Mülheim de dramaturgia em 2020 e declarada Jovem Dramaturga do Ano. Ela também ganhou o Else-Lasker-Schüler-Stückepreis por sua peça “Der Popper” e o prêmio do público TAZ do “26º microfone aberto” para “Die Ballade von Schloss Blutenburg. “

Zurück